Cidadeverde.com
Esporte

O River poderá revelar valores para a temporada de 2020

Imprimir

O futebol piauiense tem pago caro por abandonar a chamada prata da casa. Em épocas passadas nossos clubes tiveram em seus times vários jogadores piauienses, da capital ou do interior do Estado. 

Foto: Victor Costa / River AC

O Piauizão Vibrante na década de sessenta ganhou um tetracampeonato estadual e fez bonito na Copa do Brasil e no Torneio Nordestão. A equipe do Zé do Povo tinha 8 a 9 jogadores locais como titulares. 

O River, nos tempos do Eterno Campeão, tinha quase todo o seu time formado por jogadores nossos. Até mesmo o Tiradentes, nas jornadas dos anos setenta, tinha jogadores piauienses como Toinho, Bitonho, Sima, Santos, Nivaldo, Hélio Rocha e mais alguns.

Nos últimos tempos nossos dirigentes passaram a contratar quase dois times vindos de outros Estados. É importante ter alguns jogadores realmente bons na equipe titular, como atrações especiais e como reforços no aspecto técnico. Quase dois times, porém, tem sido revelado inútil e oneroso.

O melhor mesmo é mesclar a prata da casa com os contratados. E o River está no bom caminho. Vimos bons jogadores em todos os clubes do Campeonato Piauiense Sub-19, inclusive, é claro, no tricolor. Nas competições de crianças - sub-11, sub-13, sub-15, estão despontando meninos com ótimo potencial para o futebol.

Pois o River está vivendo um momento amplamente favorável. O seu time vai participar da Copa do Nordeste Sub-20 e da Taça São Paulo, na mesma categoria. Os jovens riverinos vão adquirir uma boa experiência em competições nacionais e estarão prontos para o Campeonato Piauiense. 

Cabe à comissão técnica, com o respaldo do Presidente Genivaldo Campelo, saber observar e chamar para o elenco de profissionais os que mais se destacarem. E que sejam registrados como jogadores do River, a fim de que o clube possa negociá-los futuramente com outras agremiações.

Rassalte-se que a CBF e a Federação de Futebol do Piauí (assim como as demais federações) estão realizando um excelente trabalho no futebol de base. São várias as competições estaduais e nacionais, inclusive internacionais. 

E nossos clubes devem olhar com a atenção a preparação de jogadores para serem convocados para as Seleções Brasileiras que participam das competições de futebol de base. O momento é bom para River, Flamengo, Fluminense, Piauí, Altos, todos os nossos clubes.

Dídimo de Castro
didimodecastro@cidadeverde.com

Imprimir