Cidadeverde.com
Economia

Ativos verdes no Piauí serão discutidos na França em novembro

Imprimir

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Programa Ativos Verdes será tema de agenda específica entre o Piauí e a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD), dentro da programação da visita que o Consórcio Nordeste fará a cinco países europeus no mês de novembro

De acordo com o governador, a agenda com a agência francesa vai tratar de investimentos na área de preservação ambiental.

 “Temos hoje a maior área de preservação ambiental fora da Amazônia. São aproximadamente 3,2 milhões de hectares, 32 parques, sem contar com as áreas privadas. Temos a maior área natural, assim como Deus nos deu e queremos colocar isso no Programa Ativos Verdes, que é uma regulamentação do Tratado de Paris, que o Brasil aprovou no Congresso Nacional. Nós estamos colocando a condição de que uma parte o Estado paga e outra será revertida na estruturação desses parques”, comentou o governador.

Os detalhes dessa agenda foram tratados nessa terça-feira (7), em Brasília, entre o governador Wellington Dias e o embaixador da França no Brasil, Michel Miraillet.

Foto: Ascom Surpi

Wellington apontou também o Cânion do Rio Poty como uma das áreas que podem ser abrangidas pelo projeto dos ativos verdes ligados ao turismo.

Na oportunidade desse compromisso específico do Piauí na França, o governador espera a definição sobre a aprovação do projeto, tanto pela Agência Francesa quanto na Comissão de Financiamentos Externos (Confiex). “Estou bastante animado com a forma carinhosa e respeitosa com que a França trata o Piauí”, relatou Wellington.

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Imprimir