Cidadeverde.com
Últimas

Câmara aprova empréstimo de R$ 30 milhões e vereador questiona preço de câmeras

Imprimir

Foto: Roberta Aline/cidadeverde.com

A Câmara de Teresina aprovou, em segunda votação, o projeto de empréstimo de R$ 30 milhões para serem utilizados na compra de câmeras de segurança para serem instaladas nas entradas e saídas de Teresina. A decisão aconteceu nesta quarta-feira(30). 

A aprovação contou com o voto favorável de vereadores da oposição como Dudu (PT) e Deolindo Moura (PT). Porém, vereadores como Joaquim do Arroz questionaram o valor das Câmeras. Ele afirma que alguns aparelhos estavam com preço acima do valor de mercado.

"Pedi vista e aprovei requerimento solicitando o orçamento e o projeto executivo, que veio incompleto. Pedi a líder mais informações e não chegaram. Algumas coisas como preço de câmeras com 40% a mais do que o valor encontrado.  Tem câmaras giratórias de R$ 9.500 e no mercado está de pouco mais de R$ 5 mil. Tem variações tecnológicas, mas por isso pedimos o orçamento. Quero mais informações para termos um embasamento", afirmou Joaquim do Arroz.

A líder do prefeito na Casa, vereadora Graça Amorim, diz não existir indícios de irregularidades.

"É um investimento. Não seria inteligente votar contra. Vai ser realizada uma licitação que irá definir prazos e valores. A proposta foi aprovada pelo BNDES.  Ele não tem porquê dessa alegação de irregularidades. Só a licitação vai estipular preços ", destacou Graça Amorim.

 

Lídia Brito
[email protected]

Imprimir