Cidadeverde.com
Política

Firmino visita obra da av. Ulisses Marques com deputados e vereadores da base

Imprimir

Fotos: Valmir Macedo/Cidadeverde.com

O prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), visitou nesta sexta-feira (22) as obras da Avenida Ulisses Marques, na zona Leste. Com 4,6 km de extensão, a via pretende ser uma alternativa para a Avenida Presidente Kennedy, que atualmente está ocupada por corredores exclusivos. 

Firmino admite que os corredores exclusivos dificultaram o trânsito de veículos, em algumas avenidas, e que as novas vias devem corrigir esse problema. "Nós sabemos que a Kennedy se tornou um corredor exclusivo de ônibus e isso de fato dificulta o trajeto do transporte individual, seja carro ou seja moto". 

A avenida Ulisses Marques é construída perpendicular à avenida Presidente Kennedy, margeando o terreno do Colégio Agrícola, na UFPI, até chegar às margens do Rio Pot,i onde continua seu trajeto até a Avenida Raul Lopes, no Setor de Esportes da Universidade, próximo ao prédio de Badminton. 

"Essa obra faz parte do plano de mobilidade da cidade. Na sequência estamos com a construção da ponte que liga o Setor de Esportes com a Água Mineral. O transporte coletivo da cidade será beneficiado com a ligação entre o Terminal do Zoobotânico com o Terminal do Buenos Aires, ali no Balão da Coca Coca", explicou Firmino que afirmou que as obras de sua gestão oferecem um novo modelo de circulação na cidade. 

Além da avenida Ulisses, a gestão de Firmino desenvolve obras na zona Sul, como o viaduto da Tabuleta. "Antigamente se dizia que prefeitura só fazia obrinha, calçamentinho, pracinha, que a prefeitura só fazia feijão com arroz, mas a gente está mostrando que a prefeitura faz o prato completo, com direito à salada e carne", afirmou o prefeito. 

Os recursos são oriundos do antigo Ministério das Cidades, atual Ministério do Desenvolvimento Regional. 

Acompanhado de um grupo numeroso de parlamentares municipais e estaduais, o prefeito falou da parceria com a base na Câmara e na ligação com parlamentares da Assembleia, e do possível apoio nas eleições de 2020.

"Mostrar para a nossa bancada as obras estruturantes. Parte desses recursos é fruto do trabalho deles, é importante que eles acompanhem o nosso trabalho", disse.

 

Valmir Macedo
[email protected]

Imprimir