Cidadeverde.com
Entretenimento

Marcos Mion lança 3º livro em homenagem aos filhos

Imprimir

Fotos: Reprodução/instagram/@marcosmion

O apresentador Marcos Mion, 40, fez nesta quarta-feira (11) o pré-lançamento do livro "Detone este Livro com Seu Filho', uma homenagem ao caçula Stefano, 9. Ele também é pai de Donatella, 11, e Romeo, 14. 

A obra leva a algumas reflexões sobre a importância de passar mais tempo ao lado dos filhos e ainda propõe 46 atividades para divertimento em família, dentre elas, desenhos, jogos e cartas para brincar.

De acordo com Mion, o livro visa estimular o tete a tete e menos a tecnologia, embora saiba que ela é importante.

"Não queria combater a tecnologia porque não sou contra ela. O livro vem para ser ferramenta para o pai na batalha diária de diminuir o tempo na frente do celular. Hoje nós somos totalmente reféns. Eu sempre fui muito criativo com meus filhos porque é na brincadeira que eles vão perguntar coisas diferentes", analisa Mion.

Ele explica o que as pessoas vão encontrar na obra. "Pensei em atividades que fossem divertidas, mas que dessem origem a outras coisas, outras conversas, dúvidas. Serve para atiçar a criança criativamente, com desafios de variados tipos e até para promover o amor em família", explica ele, que conta que todas as atividades foram testadas e aprovadas por ele e por Tefo, como chama o menino.

O livro, apesar de ser feito ao lado do filho homem, serve para ambos os sexos. "Quando escrevi o 'Pai de Menina', tirando a parte que serve especificamente para o público feminino, o resto serve aos dois. Estamos falando de educação, de amor, o que muda é a linguagem. As atividades do livro de agora podem ser feitas com meninas também. É que uma multidão me pedia o 'Pai de Menino'. Então agora ele existe."

O livro não contou com ajuda de pedagogos nem especialistas. "É a visão de um pai que se dedica 24h por dia aos seus filhos. Baseado na minha vivência e no que aplico com eles. E consigo sentir que pego em pontos que são buracos em comum nos pais, tanto em aceitar autismo [do filho Romeo] como em ser pai de menina e de menino nos dias de hoje."

Mion revela que não vai parar por aí. Os três filhos já têm obras em homenagem. E em 2020 a sua mulher, Suzana Gullo, também será lembrada. "Toda história de escritor começou com pedido do meu agente literário para eu escrever sobre minha vida e dedicação familiar. Começamos escrevendo pelos meninos, mas esse é o novo projeto do ano que vem, um livro para falar de tudo o que vivemos juntos [ele é Suzana]."

E por falar em Suzana, engana-se quem pensa que a fábrica do casal fechou. Mion revela que tem uma ideia de, quem sabe, ter mais um filho ou adotar. "Não vou te falar que não, deixarei fluir, tenho espaço vago na tatuagem da família nas costas. Tenho quatro flâmulas nas costas e uma está vazia. São os nomes dos meninos. Pretendo um dia preencher, mas vamos com calma", conclui.

Fonte: Folha Press

 

Imprimir