Cidadeverde.com
Geral

Motorista de reboque desaparece e carro é achado carbonizado na Cerâmica Cil

Imprimir

Foto: Encaminhada por whatsapp 

A família de Marcos Sá, conhecido como Alemão, de 38 anos procura pelo motorista de reboque, que está desaparecido desde a última sexta-feira(24) a tarde. A tensão aumentou quando na manhã de ontem(25), o carro dele, um corsa sedam, de placa NHZ-7341 de Teresina, foi encontrado carbonizado na PI-130, próximo à Cerâmica Cil, zona rural Sul da capital. 

De acordo com Elciano Sá, irmão de Marcos, ele não estava no carro queimado. “Temos amigos e familiares procurando algum vestígio do meu irmão, próximo ao local onde o carro foi encontrado. Não temos a mínima ideia do que possa ter acontecido, porque ele saiu de casa no começo da tarde, depois de um telefonema pedindo para ele ir a uma oficina na Vila Irmã Dulce e nunca mais voltou”, disse. 

Marcos mora com a esposa e um filho, na região do bairro Porto Alegre, também na zona Sul. Ela prestou boletim de ocorrência no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) depois que encontraram o carro. 

“Já ouvimos muitos boatos mentirosos. Sabemos que ele não estava dentro do carro carbonizado e que ele era muito querido, não tinha nenhuma inimizade, já trabalha como motorista de reboque na empresa há mais de seis anos. Estamos sem saber o que pode ter acontecido com ele”, afirma Elciano Sá, que mora em Hugo Napoleão e está em Teresina para ajudar nas buscas pelo irmão. 

O veículo já foi removido e encaminhado à perícia criminal. Policiais do DHPP estiveram no local buscando pistas do que pode ter acontecido com Marcos Sá. 

A família continua as buscas. 


Caroline Oliveira
[email protected]

Imprimir