Cidadeverde.com
Entretenimento

Cantora revela ter sido drogada, estuprada e mantida em cativeiro

Imprimir

 

A cantora britânica Duffy, 35, revelou nesta terça-feira (25) o motivo de ter ficado afastada por anos da mídia. "Fui estuprada, drogada e mantida em cativeiro por vários dias", contou ela em publicação no Instagram. Sem dar detalhes sobre o responsável pelo sequestro, e nem onde ele aconteceu, a cantora disse que é "emocionante e libertador" poder compartilhar o ocorrido, já que não há "forma tranquila" de lidar com o assunto.

"Nos milhares de dias da última década eu me comprometi a voltar a desejar a luz em meu coração novamente. O sol agora brilha", escreveu. "Por que não decidi usar minha voz para expressar minha dor? Não queria mostrar ao mundo a dor em meus olhos. Eu me perguntei: como posso cantar do fundo do coração se ele está partido?"

A cantora finalizou dizendo que está bem e segura, e que responderá a algumas perguntas em entrevistas nos próximos dias. "Peço que entendam que esta é uma decisão para mim mesma, e não quero que invadam a privacidade da minha família. Por favor, preciso de apoio para fazer disto uma experiência positiva".

Duffy fez sucesso em 2008 com a música "Mercy", e seu álbum "Rockferry" ganhou o grammy de 2009 como Melhor Álbum. Nos últimos nove anos, ela fez apenas um papel no filme "Legend" (2015).

Fonte: FolhaPress

Imprimir