Cidadeverde.com
Esporte

Alison admite pressão e diz não saber quanto tempo Jesualdo terá no Santos

Imprimir

O volante Alison defendeu as ideias de jogo do técnico Jesualdo Ferreira, mas admitiu não saber quanto tempo o português terá no comando do Santos. Com desempenho modesto neste início de ano, o treinador já aparece na berlinda.

"A pressão existe, cobrança também. Não sei quanto tempo o Jesualdo vai ter, mas sei que, no tempo que ele tiver, nós vamos acreditar no trabalho e procurar melhorar diariamente. 

Temos que vencer e alcançar coisas grandes. Terá nossa confiança, independentemente do tempo que tiver. Vamos continuar acreditando e procurar evoluir a cada dia", disse o jogador em entrevista coletiva nesta quarta-feira (26).

Capitão santista na maioria dos jogos deste início de temporada, Alison se esquivou quando questionado se a permanência do treinador deve estar atrelada ao resultado contra o Palmeiras no sábado (29), quando os rivais fazem clássico a partir das 16h, no Pacaembu, pela oitava rodada do Campeonato Paulista.

"Não cabe a mim dizer se ele deve ou não continuar. Enquanto ele for nosso técnico, vamos acatar as ideias, abraçar, acreditar que vai dar certo. Vamos continuar seguindo o trabalho dele", completou o jogador.

O Santos lidera o grupo A do Paulista, com 11 pontos, quatro a mais do que a Ponte Preta, terceira colocada. Os dois primeiros de cada chave avançam para as quartas de final.

EDER TRASKINI
SANTOS, SP (UOL/FOLHAPRESS) 

Imprimir