Cidadeverde.com
Esporte

FGF suspende Campeonato Gaúcho por 15 dias e não descarta cancelamento

Imprimir

O Campeonato Gaúcho de 2020 está oficialmente paralisado. Nesta segunda-feira (16), em reunião na sede da FGF (Federação Gaúcha de Futebol), os clubes decidiram pela suspensão das partidas por 15 dias.

Mesmo sem unanimidade, o Estadual ficará sem bola rolando nas próximas semanas. Um novo encontro, sem data marcada, decidirá como e se a competição será retomada.

A paralisação do Gauchão ocorre por conta do avanço da pandemia de coronavírus. O Rio Grande do Sul tem sete casos oficiais de covid-19, cinco deles em Porto Alegre.

Durante o período de paralisação, a FGF montou um gabinete de crise por 24 horas para avaliar os próximos passos a dar e as condições de realização do torneio.

Nos próximos dias, o presidente da entidade, Luciano Hocsman, irá ao Rio de Janeiro conversar com a CBF para ouvir as orientações. Não está descartado o cancelamento do torneio.

Grêmio e Internacional puxaram o movimento pela suspensão das rodadas. Entre os clubes do interior, houve diferença de ideias.

O Aimoré, por exemplo, entrou no encontro defendendo realização das partidas com portões fechados. O argumento do time de São Leopoldo é financeiro, alegando prejuízo em caso de paralisação e retomada posterior.

São Luiz-RS, Pelotas e Ypiranga-RS se manifestaram por telefone no encontro. Os três clubes não enviaram representantes por estarem em deslocamento depois de partidas da terceira rodada do segundo turno.

Além dos clubes, o Sindicato dos Atletas do Rio Grande do Sul, Sindicato dos Árbitros e ACEG (Associação dos Cronistas Esportivos Gaúchos) e a RBS TV -emissora detentora dos direitos de transmissão- participaram da reunião.

Ainda nesta segunda, Inter e Grêmio farão reuniões para definir o cronograma de treinos ou a paralisação das atividades de campo.

JEREMIAS WERNEK
PORTO ALEGRE, RS (UOL/FOLHAPRESS)

Imprimir