Cidadeverde.com
Últimas

Marcado para este sábado (28), protesto ‘Volta Brasil” é cancelado em Teresina

Imprimir

Foto: Reprodução

Foi cancelada a manifestação em Teresina pela retomada de alguns setores do comércio, que estão sem funcionar desde o dia 23 de março com a emissão de decretos pelo poder público para evitar a aglomeração de pessoas durante a epidemia de Covid-19. O movimento, que foi convocado também em outras capitais brasileiras, estava previsto para este sábado (28) e pede que o isolamento valha apenas para a população do grupo de risco do coronavírus.

O ato era organizado por grupos como o Direita Piauiense, Brasil Melhor e Direita Piauí. Segundo os organizadores, o cancelamento se deu para evitar atritos judiciais para os organizadores e manifestantes. O grupo explicou que a orientação de permanecer nos carros evitaria a aglomeração e manteria o caráter legal do protesto, não contrariando a medida do governo e da prefeitura. 

“Vemos outras decisões judiciais em outros estados que judicializaram os protestos. Para resguardar os organizadores e não disseminar ainda mais pânico, e não termos constrangimento moral, nós entendemos bem por bem cancelar. Para evitar isso, estamos cancelando aqui em Teresina”, explicou Runita Lessa, uma das organizadoras do protesto. 

O grupo explica que não se trata de expor a população ao coronavírus mas de um movimento em defesa da economia, defendendo medidas mais brandas que não impossibilitem o funcionamento de setores do comércio.

“Somos contra essas medidas populistas do governo que falam de amor à população quando na verdade o pobre não tem condição para se isolar, ele não pode parar de trabalhar”, explica  Ricardo Azevedo, funcionário público e membro de um dos grupos que articula o movimento em Teresina. 

Grupos vão aguardar

Rubenita Lessa informou que a decisão pelo cancelamento foi acordada com grupos de comerciantes e que o grupo vai aguardar as deliberações previstas para os próximos dias. 

“Em nenhum momento o grupo quis causar qualquer preocupação ou alarme para a população. O que a gente quer é mostrar o descaso e a severidade da medida que determinou o fechamento de comércios e de empregos. Vamos aguardar a reunião do governador com as categorias profissionais na segunda (30) e como comitê técnico na terça (31)”, disse Rubenita

NOTA DE CANCELAMENTO e ESCLARECIMENTO

Considerando que existem rumores de movimentações no sentido de cancelarem por via judicial, a livre manifestação democrática, garantida pela Constituição Federal, nos tempos de paz, e embora tais atos decisórios sejam questionáveis, para resguardar os organizadores e envolvidos no ato, e convictos dos princípios que defendemos, e no sentido de não disseminar ainda mais o pânico na sociedade, estratégia muitas vezes utilizadas por pessoas descompromissadas com nosso país e Estado, e depois de conversarmos com os demais interessados da manifestação, que estão diretamente afetados pela determinação da paralisação das atividades, DECIDIMOS CANCELAR o ato outrora designado, até porque somos partidários do bem-estar social e não vira de nós, qualquer ato que fomente a narrativa de insegurança e constrangimento dos participantes.

Nossa decisão, no momento, é de aguardar a reunião do Comitê Gestor de Crise Covid-19, agendada para dia 31/03, aliado à informação de que o governador Wellington Dias irá receber na segunda-feira, dia 30/03, representantes das categorias profissionais.

No entanto, apesar do cancelamento, chamamos a público o governador e os prefeitos para apresentarem soluções para os casos abaixo mencionados:

- Que plano apresentarão para socorrer os caminhoneiros que transitam nas estradas do Piauí e são vitais para que não hajam acidentes bem como o desabastecimento da população, tendo em vista que os restaurantes e borracharias nas estradas estão fechadas por determinação do governador?

- Será suspenso o pagamento da cobrança do IPVA, tendo em vista que não bastasse a antecipação do calendário de pagamento, a maioria da população de baixa renda, que possui apenas uma moto para seu transporte, está impossibilitada de efetuar o pagamento, por não poder trabalhar?

- Haverá prorrogação do prazo de pagamento de impostos estaduais e municipais para micro e pequenos empreendedores e demais empresários que geram emprego e renda?

- Com a diminuição de pessoas nas ruas, que medidas serão adotadas para auxiliar os taxistas, motoristas de aplicativos e mototaxistas, e demais trabalhadores informais, como diaristas, jardineiros, floristas, vendedor ambulante, pedreiros, que não se enquadram no projeto de lei aprovados na Câmara dos Deputados?

- Quais as medidas serão tomadas junto às intuições financeiras privadas para que se prorrogue o prazo de pagamento das dívidas correntes, para a população de maneira geral?

- Quais as medidas adotadas  pelo governo do estado e demais prefeituras para que a população possa ter acesso à aplicação dos recursos enviados pelo Gov federal no combate ao Covid-19?

- Quais medidas serão adotadas para socorrer os dentistas e clínicas odontológicas do Piauí que estão fechadas por determinação do governador?

- Que medidas serão adotadas para socorrer os moradores de rua?

- Serão zerados impostos estaduais e municipais nos itens de cesta básica bem como nos itens de higiene e proteção individual como máscaras, luvas, lenços umedecidos, álcool em gel e papel toalha?

- Que medidas serão adotadas para socorrer as pessoas de baixa renda que não possuem acesso ao saneamento básico?

- E que ações imediatas serão feitas para prevenir a contaminação do vírus nas cidades que não têm acesso a água nem para beber, muito menos para fazerem sua higiene, como nas localidades de Guaribas e regiões?

- Que medidas serão feitas para ajudar o escoamento dos caminhões de produção agrícola na região de Bom Jesus, Currais, Serra da Laranjeira, se as estradas estão destruídas e não permitem o acesso às fazendas?

Registramos, ainda, a incoerência em se pretender proibir uma carreata de pessoas em seus carros, sem aglomeração de pessoas, quando a própria prefeitura colocou os grupos  de riscos, idosos dentro dos seus carros, enfileirados na Av. Raul Lopes nesta semana.

Por fim, queremos deixar claro a toda população do Estado do Piauí que em nenhum momento este grupo de cidadãos teve a intenção de causar preocupações, mas tão somente de alertar para o descaso e a severidade da medida que determinou o fechamento de empresas e empregos, sendo que a nossa inquietação reside em querer saber como a população, especialmente a mais pobre, irá se manter e ter saúde sem que possa ter sua renda e uma alimentação minimamente decente.

A falta de alimentação baixa a imunidade, tornando as pessoas mais propensas a adquirirem não só o vírus chinês, mas outra doenças  mais letais e já conhecidas da sociedade e comunidade científica.

Estamos sempre dispostos a lutar pela vida e pela saúde das pessoas, como estamos juntos no combate ao Covid-19, e permaneceremos vigilantes às ações do governo do estado e das prefeituras. 

E assim como houve velocidade na emissão dos decretos, aguardamos prontamente a resposta às essas indagações que perturbam toda a população. 

Teresina (PI), 28 de março de 2020.

Movimento Direita Piauí
Movimento Brasil Melhor
Movimento Direita Piauiense

Valmir Macêdo
[email protected]

Imprimir