Cidadeverde.com
Cidades

Prefeitura convoca aprovados para o combate ao coronavírus em União

Imprimir

O prefeito de União, Paulo Henrique, autorizou o chamamento de novos classificados em seletivo para atuarem nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Hospital Municipal de União (HMU), em especial nas Unidades de Síndromes Gripais onde serão tratados pacientes infectados pelo coronavírus. A convocação está sendo feita com base no edital do seletivo nº 002/2018, em virtude do mesmo ainda se encontrar válido até o final deste ano, tendo sido publicado no Diário Oficial dos Municípios. Baixe o edital

“O chamamento desses profissionais aprovados em seletivo será essencial para que possamos colocar em funcionamento a Unidade de Síndromes Gripais do Hospital Municipal de União, que será mais uma ação para reforçar o combate ao coronavírus no município. Adequamos esse espaço na parte nova do Hospital, que foi totalmente reformado, para que não haja contato com os demais pacientes que precisam dos serviços ofertados na urgência e emergência”, explica Paulo Henrique.

Os classificados devem estar atentos aos dois editais de chamamento, devendo comparecer no prazo estabelecido, na sede da Prefeitura, com toda a documentação exigida no edital para que possam ser admitidos. A convocação foi feita para as seguintes vagas:

Profissionais para UBS

Assistente social (1); Enfermeiro (4); Zelador (4); Técnico de enfermagem (5).

Profissionais para o HMU

Enfermeiro plantonista (7); Técnico de Enfermagem (6); Vigia (4); Zelador (1).

4 Unidades de Síndromes Gripais serão instaladas em União

Ao todo serão quatro unidades de Síndromes Gripais instaladas em União, sendo uma no Hospital Municipal de União para atendimentos mediante encaminhamentos médicos das UBS ou da urgência do HMU para casos graves.

Enquanto as outras três unidades de Síndromes Gripais irão funcionar nas Unidades Básicas de Saúde do Novo Nilo, Vila Nova Conquista e Posto de saúde do Soares, para casos leves. Todas elas funcionarão nos turnos manhã e tarde para atendimento exclusivo de casos suspeitos ou confirmados de COVID-19.

Da Redação
redaçã[email protected]

Imprimir