Cidadeverde.com
Esporte

Paraguaios revoltados com trio de arbitragem brasileiro

Imprimir
A atuação do trio de arbitragem brasileiro (Héber Roberto Lopes, Emerson de Carvalho e Erick Bandeira) revoltou os paraguaios na vitória do River Plate por 1 a 0 sobre o Nacional (PAR), quinta-feira, pela Libertadores, em Buenos Aires. Para a imprensa de Assunção, a equipe visitante foi “roubada”.

O jornal mais irritado com o árbitro brasileiro foi o “Popular”, que estampou a manchete: “Meteram a mão no nosso bolso”. A reclamação é por causa do gol do River, marcado aos 45 minutos do segundo tempo por Enano Buonanotte. Para os paraguaios, o jogador do time argentino estava impedido. O Nacional reclama ainda que Cristian Fabbiani colocou a mão na bola no início da jogada.

O diário “ABC” também critica a arbitragem: “Gol ilegal determina a derrota do Tricolor”, diz o jornal em sua página de esportes.

A torcida do Nacional não ficou atrás nas reclamações. O site “Nacional Querido” xinga os brasileiros e classificam como “vergonha” o gol do River. Para os torcedores, o trio de arbitragem foi “mafioso”.


Fonte: G1
Tags:
Imprimir