Cidadeverde.com
Últimas

Média de mortes por Covid-19 no Piauí diminui, mas casos registram aumento

Imprimir

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

Atualizada em 08/08/2020

O Piauí confirmou 17 mortes e 1.181 novos casos de infecção pelo coronavírus nas últimas 24 horas. Os números sinalizam redução no número de óbitos por covid-19 e aumento nos testes positivos em todo o estado. 

A média de pessoas que faleceram desde o início de agosto caiu para 16. No mesmo período, a média de casos confirmados, que nos últimos dias oscilou sempre abaixo de mil, subiu para 1.016. 

O total de óbitos chegou a 1.469, e os casos confirmados agora somam 59.571.

Os números indicam que no sábado (8) o Piauí poderá completar a quarta semana seguida com redução de mortes por covid-19. Porém, também poderá registrar novo aumento e até recorde semanal de testes positivos, que podem ter impacto nas internações e óbitos na segunda quinzena de agosto.  

Novos óbitos
O número de municípios com mortes por covid-19 subiu para 137. Foi confirmada a primeira vítima de Santo Antonio dos Milagres. 

Os 17 óbitos contabilizados pela Sesapi nesta sexta-feira foram nos seguintes municípios:

- Joaquim Pires
Homem (76 anos)

- Luzilândia
Um homem (59 anos) e uma mulher (87 anos)

- Monsenhor Gil
Homem (69 anos)

- Parnaíba 
Homem (52 anos)

- Picos 
Mulher (84 anos)

- Santa Antonio dos Milagres
Mulher (66 anos)

- Teresina 
Quatro homens (31, 43, 73 e 88 anos) e três mulheres (54, 71 e 92 anos)

- União
Mulher (54 anos)

- Uruçuí
Duas mulheres (68 e 74 anos)

Os dados incluem mortes ocorridas nesta sexta-feira ou em dias anteriores, mas que somente agora tiveram o resultado do exame do coronavírus. 

 

Casos confirmados
Também aumentou o número de municípios com casos confirmados - agora são 222, com a entrada de Jardim do Mulato na lista. 

Apenas Arraial e Canavieira não tem casos registrados do novo coronavírus. 

Situação hospitalar
Foram 46 altas médicas nas últimas 24 horas, o que ajudou a reduzir a ocupação dos leitos de 723 para 717. 

São 424 pacientes em leitos clínicos, 15 em estabilização e 278 em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) - 61,1% de ocupação. 

 

Fábio Lima
[email protected]

Imprimir