Cidadeverde.com
Últimas

Teresina registra isolamento social de 37,3% nesta sexta (07)

Imprimir

O índice de isolamento social na capital piauiense ficou em 37,3% nesta sexta-feira (07). O número segue o padrão observado desde segunda, onde as taxas ficaram todas abaixo de 41%, um contraste com esses mesmos dias na semana passada em que todos marcaram acima desse valor. A queda nos percentuais pode ser associada com o início da Etapa 2 da Fase 2 de reabertura da economia, na última segunda-feira, onde voltaram a funcionar shoppings e centros comerciais. No ranking do isolamento entre as capitais do Brasil, Teresina ficou na 3ª posição nesta sexta (07), atrás de Rio Branco (40,28%) e Porto Velho (37,39%).

Os dados são da startup InLoco, que realiza o georreferenciamento smartphones em cidades de todo o território nacional monitorando a localização dos usuários quando se conectam à internet pelo celular. Ela também disponibiliza dados por regiões da cidade e a zona centro-norte foi que a que apresentou o maior índice de isolamento social, com 38,78%. Em seguida ficou a região leste, com 37,13%, e sul, com 35,9%. Por último, ficou a zona sudeste, com 35,54%.

No que diz respeito aos bairros e localidades que mais respeitaram o isolamento social em Teresina, os mais bem colocados foram Olarias (50,4%), Frei Serafim (46,9%), São João (45,5%), Aeroporto (45,1%), Monte Verde (44,8%) e Parque Jacinta (44,4%). Já os bairros que apresentaram os menores percentuais foram Cristo Rei (26,8%), Santo Antônio (29,35%), Acarape (30,5%), Bom Princípio (31,17%), Comprida (31,65%) e Parque São João (31,9%).

Apesar da queda nos índices de isolamento, dados da 16° pesquisa de investigação sorológica realizada pela Prefeitura no período de 31 de julho a 03 de agosto demonstram que 182.569 pessoas estão com o novo coronavírus na capital, o que representa uma queda de 8% em relação à semana anterior, quando foram registrados 197.963 casos. A quantidade de pessoas com potencial de transmitir a Covid-19 também caiu 15% quando comparada com a sondagem anterior. Agora são 10.551 de pessoas com vírus ativo, quando na semana passada foram registradas 12.454 pessoas infectantes. A taxa de reprodução do vírus, o R-zero, também segue abaixo de 1 e ficou em 0,85.

“Observamos que a quantidade de positivados e infectantes fica cada vez menor, e a capacidade de propagação também tem caído. Mesmo após a abertura das atividades não houve movimento contrário na queda da curva, o que é bastante positivo. Mas não podemos relaxar. Vamos continuar monitorando a situação da cidade por causa da reabertura de muitas atividades esta semana, como por exemplo, os serviços administrativos. Precisamos de bons índices de isolamento social e tomar todos os cuidados para seguirmos nesse caminho de vitória sobre o coronavírus”, disse o prefeito Firmino Filho.

 

Da redação

Imprimir