Cidadeverde.com
Últimas

Festival online de acessibilidade abordará as possibilidades da arte e cultura acessível

Imprimir
Na legislação nacional, os direitos das pessoas com deficiência física estão, a princípio, garantidos. O texto explica a questão da acessibilidade como: “Condição para utilização, com segurança e autonomia, total ou assistida, dos espaços, mobiliários e equipamentos urbanos, das edificações, dos serviços de transporte e dos dispositivos, sistemas e meios de comunicação e informação, por pessoa portadora de deficiência ou com mobilidade reduzida.” A questão, no entanto, não é bem resolvida. Em todo o país, além das diversas edificações que não seguem o estabelecido, existe também a inoperância do governo em tornar espaços mais acessíveis.
 
Nesta quarta-feira (12), a nona live do I Festival Online de Acessibilidade a Humanidade em Nós terá como tema: As possibilidades da arte e cultura acessível. O Festival é organizado pela Escola Comradio e pelo Instituto ILEVE, e chegou para discutir os problemas enfrentados pelas pessoas com deficiência.  A iniciativa faz parte do projeto Mulheres de Visão, que desde o ano passado até 2022, oferecerá a 40 mulheres cegas ou de baixa visão, formação em políticas públicas de inclusão, cooperativismo, comunicação, empreendedorismo social e entrega de planos de negócios. 
 
Sandra Loiola será uma das palestrantes. Ela é atriz brasileira de teatro, cinema e TV.  É formada em Artes Dramáticas pela Escola Técnica Estadual de Teatro Gomes Campos, atua há mais de 30 anos com vasta experiência especialmente no teatro. É formada também em Licenciatura Plena em Pedagogia pela Universidade do Paraná e na área de comunicação em TV e Rádio pela Comradio do Brasil. Gislana Monte Vale também será palestrante. Ela é professora Mestre em Avaliação de políticas públicas pela UFC. Articuladora de programas e projetos COPID -CE. Integra a Coordenação executiva MBMC. É mulher com deficiência visual.
 
Os 10 encontros online terão 20 palestrantes com 40 horas de duração, sempre realizado na quarta-feira às 19h. Os encontros virtuais podem ser vistos pelo youtube (mulheres de visão) e pelo Facebook (prjmulheresdevisao). As inscrições possibilitam a retirada de um certificado no término do Festival e podem ser feitas gratuitamente no link: http://abre.ai/bkpL  
 
 
 
Da redação
Imprimir