Cidadeverde.com
Esporte

Com gol de Rodriguinho, Bahia estreia com vitória por 1 a 0 sobre o Coritiba

Imprimir

Fotos: Felipe Oliveira / EC Bahia

 

Com gol de Rodriguinho, cobrando pênalti, o Bahia estreou com vitória no Campeonato Brasileiro e bateu o Coritiba por 1 a 0 no Estádio de Pituaçu, em Salvador, nesta quarta-feira, pela segunda rodada.

Como disputou a final do Campeonato Baiano, o Bahia não estreou no fim de semana, assim como a maioria dos times do Brasileirão, e só fez seu primeiro jogo nesta quarta-feira. Já o Coritiba estreou com derrota por 1 a 0 para o Internacional e agora conheceu seu segundo revés na competição e segue sem pontuar.

O jogo começou equilibrado e sem muitos lances de perigo na primeira etapa. O Coritiba até tinha mais posse de bola, mas era o Bahia que chegava com mais perigo ao campo de ataque.

Aos 39 minutos, Rodriguinho foi derrubado dentro da área por Sassá e o árbitro carioca Bruno Arleu de Araújo consultou o VAR para marcar pênalti. O próprio Rodriguinho cobrou com cavadinha e abriu o placar.

O visitante teve de sair mais para o ataque na segunda etapa e buscou o gol como pôde. William Matheus até teve uma boa chance, completando de cabeça o cruzamento de Yan Sasse em escanteio, mas acabou mandando para fora.

O Bahia também teve chances de 'matar' o jogo, especialmente com o atacante Saldanha, que saiu de frente para o gol em contragolpe, mas bateu para fora.

Sem mais lances de perigo, o jogo terminou com vitória do Bahia, garantindo os primeiros pontos do time de Roger Machado no Brasileirão.

O Coritiba volta a campo no próximo sábado, quando recebe o Flamengo no Couto Pereira, em Curitiba, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. No domingo, o Bahia enfrenta o Red Bull Bragantino em mais um jogo em Pituaçu.

FICHA TÉCNICA
BAHIA 1 X 0 CORITIBA
BAHIA - Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Ernando, Juninho e Juninho Capixaba (Zeca); Ronaldo, Flávio, Daniel (Marco Antônio) e Rodriguinho (Alesson); Élber e Rossi (Saldanha). Técnico: Roger Machado.
CORITIBA - Wilson; Natanael (Jonathan), Rodolfo Filemon, Sabino e William Matheus; Nathan Silva (Renê Júnior), Matheus Galdezani (Luiz Henrique) e Ruy (Yan Sasse); Robson, Igor Jesus e Sassá (Nathan). Técnico: Eduardo Barroca.
GOL Rodriguinho, aos 39 minutos do primeiro tempo.
ÁRBITRO - Bruno Arleu de Araújo (RJ).
CARTÕES AMARELOS - Rodolfo Filemon, Nathan Silva, Matheus Galdezani, Yan Sasse e Sassá.
RENDA E PÚBLICO - Jogo sem torcida.
LOCAL - Estádio de Pituaçu, em Salvador (BA).

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir