Cidadeverde.com
Entretenimento

Novo single de Anitta com Card B repercute internacionalmente

Imprimir

Foto: Reprodução/YouTube

A cantora Anitta, 27, lançou na sexta-feira (18) seu novo single, "Me Gusta", em parceria com Cardi B, 27, e Mykle Towers, 26. E não foi apenas no Brasil que o projeto foi notícia, vários veículos deram destaque, chegando a classificar o possível hit de "quente e sensual".

A revista americana Rolling Stones deu destaque ao lançamento e à parceria de Anitta com Cardi B, apontando as duas como "assumidamente bilíngues e bissexuais", e destacando trechos da letra da música. A publicação ainda falou sobre a batida pegajosa do funk, dos riffs de guitarra e do colorido de Salvador, onde foi gravado o clipe.

Outra publicação americana a abordar o lançamento foi a revista Billboard, que eu seu site recordou como Anitta manteve em segredo a parceria, com pequenas dicas em suas redes sociais, e completou que Card B está totalmente dentro do projeto, afirmando ainda ser apaixonada pelo funk brasileiro.

O site americano Idolator apontou Anitta como a "deusa do pop" e classificou como "sexy" a parceria da brasileira com a americana Cardi B e o porto-riquenho Mykle Towers. Citando trecho da música, a publicação diz que Anitta "tem mais do que atividades do quarto na cabeça", apontando o empoderamento.

O site espanhol Los 40 deu destaque ao lançamento afirmando ser o encontro de duas potências femininas. "Uma música para os últimos dias de verão", afirma a publicação, dizendo que "ao longo do videoclipe você respira ritmo, respira festa, respira amor livre e respira Brasil".

A CNN Espanha também falou sobre o lançamento, afirmando ser uma aposta da cantora brasileira para continuar batendo recordes. Já o porto-riquenho Primera Hora aponta que "Me Gusta" enaltece as mulheres e aponta essa como uma marca do trabalho de Anitta.

Anitta afirmou nesta sexta-feira que "Me Gusta" foi feito como uma mensagem de representatividade. "A escolha de Salvador veio das cores da cidade e da alegria que ela passa. Pensei logo na Bahia e no ritmo do coletivo feminino de percussão Didá (que é composto apenas por mulheres). Imaginei um clipe que exaltasse a mulher".

Foto: Reprodução/Instagram

Fonte: Folhapress

Imprimir