Cidadeverde.com
Cidades

Obras na rodovia da soja é iniciada PI-392 e produtores comemoram após espera de 7 anos

Imprimir

Fotos: Divulgação Aprosoja 

Um dos trechos mais importantes para o escoamento da produção do agronegócio do Piauí finalmente começou a ser asfaltado. A PI-392 em Baixa Frande do Ribeiro (a 583 km de Teresina) estava licitada há sete anos e agora a obra foi iniciada. 

A estrada vem sendo recuperada pelos próprios produtores de grãos do Piauí há mais de 20 anos. 

O trecho faz parte de uma série de obras prometidas pelo Governo do Estado e pactuadas em uma reunião recente da qual participaram representantes da Aprosoja Piauí (Associação dos Produtores de Soja do Piauí) e o governador Wellington Dias (PT). 

No encontro, o secretário da Fazenda, Rafael Fonteles, garantiu que as obras teriam os recursos e seriam realizadas, inclusive garantindo para este ano ainda o segundo trecho da estadual que leva até a unidade de armazenamento da Bunge na Serra Grande, como também a licitação de um terceiro trecho contínuo de mais 70 quilômetros.  

O encontro aconteceu no início do mês e nesta terça-feira (22) a construtora responsável pelo trecho da PI-392 iniciou o asfalto dos 16 quilômetros. Pelo local passam mais de 41 mil caminhões que são responsáveis pelo escoamento da produção de mais de 400 mil hectares na região. 

“Estamos contentes é uma obra importante esperada há muito tempo, também estamos agora com mais expectativa de que tão logo termine este primeiro trecho, que é de 16 km logo se inicie o seguinte que é de 26 km também na PI-392”, explica o presidente da Aprosoja Piauí, Alzir Neto. 

Segundo a Aprosoja, o Governo também prometeu obras em um terceiro trecho que deverá ser executada pela Secretaria do Agronegócio. São 70 quilômetros após o armazém da Bunge Alimentos, na Serra Grande. 

A obra atual está sendo realizada pelo DER – Piauí e o segundo trecho é do IDEPI.

Da redação
[email protected]

Imprimir