Cidadeverde.com
Esporte

Show argentino em Roland Garros: Schwartzman e Podoroska estão nas semifinais

Imprimir

Foto: Corinne Dubreuil/FFT

 

A Argentina ratificou sua tradição no tênis nesta terça-feira com duas belas vitórias em Roland Garros. No masculino, Diego Scwartzman superou um dos favoritos ao título, o austríaco Dominic Thiem, número três do ranking da ATP, após uma batalha de 5h08 de jogo. Foram cinco sets: 7/6 (7/1), 5/7, 6/7 (6/8), 7/6 (7/5) e 6/2.

Schwartzman, de 28 anos, festejou, em seu 300º jogo no circuito internacional, sua primeira passagem para as semifinais em um torneio de Grand Slam e o fato de ser o décimo tenista argentino a chegar nesta fase do tradicional torneio. 'Peque', 14º do mundo, aguarda o vencedor entre o espanhol Rafael Nadal, que tenta a 13ª conquista no saibro parisiense, e o jovem italiano Jannik Sinner, de 19 anos.

Campeão no US Open, Thiem, finalista em Roland Garros nos dois últimos anos, sonhava com a conquista do título para alcançar o segundo lugar no ranking mundial.

No feminino, Nadia Podoroska, de 23 anos, número 131 do ranking, obteve um resultado tão expressivo quanto do seu compatriota, ao vencer a ucraniana Elina Svitolina, terceira cabeça de chave do torneio, em dois sets: 6/2 e 6/4.

"Quero dedicar esta vitória a uma pessoa que está muito mal de saúde, mas que me ajudou muito na carreira e também ao povo argentino, que acompanhou o jogo, mas que sofre muito com a pandemia", disse a primeira jogadora a sair do qualifying a alcançar uma semifinal em Roland Garros.

Uma jogadora argentina não chegava a uma senifinal de Rolaamd Garros desde 2004 com Paola Suárez. Podoroska vai tentar ser a primeira argentina na decisão no torneio francês. Sua próxima rival sai do confronto entre a polonesa Iga Swiatek e a italiana Martina Trevisan.

Em outro jogo desta terça-feira, a norte-americana Danielle Collins superou a tunisiana Ons Jabeur em três sets bastante disputados: 6/4, 4/6 e 6/4.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir