Cidadeverde.com
Esporte

Com gol nos acréscimos, Uruguai vence Chile na estreia nas Eliminatórias

Imprimir

Em jogo com polêmica do VAR, reclamação da seleção derrotada e gol nos acréscimos, o Uruguai estreou nas Eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar com importante vitória sobre o forte Chile, em Montevidéu, por 2 a 1. Luís Suárez, cobrando pênalti, e Máxi Gómez anotaram para os uruguaios, e Alexis Sanchez, com toque de categoria, fez para os visitantes.

Foi um jogo bastante equilibrado e também faltoso no lendário estádio Centenário, em Montevidéu. Mas com os donos da casa mostrando melhor ajuste. Os chilenos erraram bastante, sobretudo no primeiro tempo.

A prova veio no gol de Suárez. O Chile tocava sem objetividade de um lado para o outro até acontecer a roubada de bola. O Uruguai acelerou o lance e veio o toque de mão na área. Pênalti confirmado pelo VAR e batido com precisão.

Bola de um lado, goleiro do outro e dedicado a Muslera. Suárez comemorou a abertura do placar prestando homenagem ao goleiro, que perdeu a mãe no fim de setembro. Foi o 60° gol do agora atacante do Atlético de Madrid pela seleção celeste.

No começo do segundo tempo, foi a vez de estrela chilena aparecer. Alexis Sanchez recebeu passe preciso de Aránguiz e deu toque sutil na saída de Campaña para igualar o marcador.

Quando o jogo caminhava para o empate, uma bola na mão de um defensor uruguaio ignorada pelo árbitro e pelo VAR deixou os chilenos irritados e descontrolados com a falta de critérios. Para piorar, aos 47 minutos, Maxi Gómez recebeu e bateu forte para fazer o segundo.

Foram quase três minutos de espera até o VAR validar o gol. Analisou possível toque de mão no lance. Após reinício do jogo, Campaña ainda salvou o empate chileno ao segurar cabeceio de Roco no último lance.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir