Cidadeverde.com
Entretenimento

José de Abreu diz que pretende se candidatar à Presidência do Brasil em 2022

Imprimir

Foto: Reprodução Instagram @josedeabreu

O ator José de Abreu, 74, anunciou na noite desta quinta (12), por meio de suas redes sociais, que pretende se candidatar à Presidência do Brasil em 2022. "Comunico aos companheiros, amigos, seguidores e jornalistas que comecei a conversar com políticos, empresários e colegas com vistas ao lançamento de minha candidatura a Presidente da República em 2022. 'Um global de esquerda contra um global de direita'", escreveu ele no Twitter.

Após seguidores manifestarem apoio ao projeto político do ator, ele agradeceu, mas afirmou que é hora de pensar nas eleições municipais, que acontecem domingo (15). Abreu pediu votos aos candidatos do PT em todo o país, "com exceção de Guilherme Boulos, do PSOL em São Paulo, e Manuela D' Ávila, do PC do B, em Porto Alegre". "Mas sempre votando em vereadores do PT", completou.

Apoiador histórico do PT, em 2013 o ator se filiou ao partido e pediu conselhos ao ex-presidente Lula e ao amigo José Dirceu sobre uma possível candidatura para deputado federal em 2014, segundo informou a colunista Mônica Bergamo, da Folha, na ocasião.

Abreu não poupa críticas ao governo de Jair Bolsonaro (sem partido). Em fevereiro de 2019, o ator, em uma brincadeira nas redes sociais, se proclamou presidente do Brasil. Na ocasião, ele disse que estava seguindo o exemplo do líder da oposição venezuelana, Juan Guaidó, que se declarou presidente interino da Venezuela, em janeiro daquele ano.

"A partir de hoje [25] eu sou o audodeclarado Presidente do Brasil. Igual fizeram na Venezuela. Lula está nomeado chefe da casa civil, militar e religiosa do Brasil", escreveu o ator.

Em junho deste ano, José de Abreu revelou que estava deixando a Globo após trabalhar cerca de 40 anos na emissora. "Eu acabei de fechar um destrato com a Globo de uma maneira extremamente boa para os dois lados. Tive uma boa conversa com [o diretor artístico Carlos Henrique] Schroder na semana passada. Vou me desligar no dia 30", afirmou.

O último trabalho do ator no canal foi em 2019, quando interpretou o empresário milionário Otávio, da novela "A Dona do Pedaço". Abreu disse que pode continuar atuando em novelas e séries da Globo, mas contratado por obra certa. "Essa é uma nova maneira da Globo se relacionar com os seus artistas", afirmou.

Atualmente, Abreu mora com a noiva, a maquiadora Carolynne Junger, 22, na Nova Zelândia. Em live na noite de quinta (12), ela disse que o casal não pretende ter filhos. "O Zé já teve cinco [filhos] e eu nunca quis. Quero ser mãe de gatos somente."


Fonte: Folhapress

Imprimir