Cidadeverde.com
Cidades

Candidato a vereador é preso por suspeita de compra de votos em Parnaíba

Imprimir

Foto: Divulgação/PM

Atualizada às 11h07

Um candidato a vereador de Parnaíba e a esposa foram presos pela Polícia Federal suspeitos de captação ilícita de sufrágio. Em poder dos autuados foi apreendido valor superior a R$ 40 mil, além de vasto material de propaganda eleitoral. Eles foram transferidos para um presídio.

Operação Voo da Madrugada

A Polícia Federal em Parnaíba deflagrou, na madrugada deste domingo (15), a Operação Voo da Madrugada, com objetivo de prevenir e reprimir crimes de compra de votos e derrame de “santinhos” nos logradouros públicos próximos aos locais de votação. Seis pessoas foram detidas.

Segundo a PF, aproximadamente 30 policiais federais de Parnaíba executaram monitoramento e vigilância ambiental com emprego de drones e viaturas descaracterizadas. 

“As diligências que se iniciaram na noite de ontem seguem durante todo o dia nos principais locais de votação”, informou a PF.

A PF destaca que a disseminação, mediante despejo de conteúdo impresso, de propaganda no dia das eleições é crime eleitoral e pode configurar também ilícito ambiental punível com pena de até 04 anos de reclusão.

Todos os detidos responderão em liberdade.

Fotos: Divulgação PF-Piauí

Veja a nota da PF:

A Polícia Federal em Parnaíba deflagrou, na madrugada deste domingo (15), a Operação VÔO DA MADRUGADA, com objetivo de prevenir e reprimir crimes de compra de votos e derrame de “santinhos” nos logradouros públicos próximos aos locais de votação.

Aproximadamente 30 policiais federais de Parnaíba executaram monitoramento e vigilância ambiental com emprego de drones e viaturas descaracterizadas. As diligências que se iniciaram na noite de ontem seguem durante todo o dia nos principais locais de votação.

A disseminação, mediante despejo de conteúdo impresso, de propaganda no dia das eleições é crime eleitoral e pode configurar também ilícito ambiental punível com pena de até 04 anos de reclusão.

As ações desencadeadas até o momento resultaram na condução de 06 (seis) pessoas detidas por Policiais Federais no exato momento em que jogavam grande quantidade de “santinhos” nas ruas em frente aos locais de votação na cidade de Parnaíba-PI.

Simultaneamente ocorreu a lavratura de flagrante decorrente da prisão de casal conduzido por suspeita de captação ilícita de sufrágio. Em poder dos autuados foi apreendido valor superior a R$40mil, além de vasto material de propaganda eleitoral.

Dois dos detidos continuam presos: um candidato a vereador do município de Parnaíba e sua esposa, que foram transferidos para o presídio. Os demais responderão em liberdade, na forma da lei.

A Operação Voo da Madrugada continua em andamento, com o patrulhamento ostensivo das seções eleitorais.

A Operação Eleições 2020 visa garantir o livre sufrágio e segue durante todo o dia de hoje em coordenação com os demais órgãos de segurança.


Natanael Souza e Hérlon Moraes
[email protected]
 

Imprimir