Cidadeverde.com
Geral

Não há previsão do HU receber novos pacientes de Manaus

Imprimir

Foto: Lucas Oliveira/Cidadeverde.com 


Atualizada às 16h10

A possibilidade do Hospital Universitário (HU) receber novos pacientes foi descartada, pelo menos por enquanto. A informação foi confirmada pela assessoria da Universidade Federal do Piauí (Ufpi). 

Foi cogitado a proposta, devido a rota do avião da FAB fazer uma parada em Teresina para abastecimento de combustíveis. Mas, após conversas com direção do HU e Ministério da Saúde os 15 pacientes serão transferidos para o Rio Grande do Norte.

 

Atualizada às 13h

O presidente da Fundação Municipal de Saúde(FMS), Gilberto Albuquerque, informou que o Hospital Universitário poderá prestar auxílio a pacientes que estão em um voo da Força Aérea Brasileira de Manaus, capital do Amazonas, para Natal, no Rio Grande do Norte. Segundo ele, o avião fará uma parada nesta quinta-feira (21)  no Aeroporto de Teresina para reabastecer e se houver alguma complicação entre os pacientes que estão sendo transportados, eles poderão ser internados no HU. 

"Fomos informados se algum paciente aqui em Teresina se agravar no avião vai ser internado aqui no HU. Se tiver alguma complicação quando o paciente estiver em solo piauiense, ele vai ser encaminhado ao HU. Não está previsto nenhuma internação, só se houver urgência", disse. 

A aeronave vai transportar 15 pacientes, inicialmente com destino ao Rio Grande do Norte. Todos eles, apresentam comprometimento pulmonar, como complicação relacionada à covid. 

O Cidadeverde.com apurou que às 13h30 desta quinta-feira haverá uma reunião entre representantes da diretoria do Hospital Universitário e o Ministro da Saúde, Eduardo Pazzuelo. No encontro, por meio de videoconferência, será feita uma avaliação sobre as condições do  HU para receber novos pacientes de Manaus. Ainda não uma definição e a decisão deve ser tomada nas próximas horas. 

A avaliação inicial é que a internação em Teresina poderia reduzir os traumas pulmonares aos pacientes, uma vez que a viagem teria uma redução de cerca de uma hora. Além disso, também poderá ser levada em conta a economia de combustível para o avião da Força Aérea que fará o transporte. 

Na manhã desta quinta-feira (21), durante a alta de três pacientes de Manaus, o gerente de atenção à Saúde do HU, Maurício Giraldi, informou que a unidade está pronta para receber novos pacientes de outros estados, caso haja a necessidade. 

Pacientes de Manaus

Os cinco pacientes que já tiveram alta estão sendo hospedados em um hotel, com despesas custeadas pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi). O governo federal vai fornecer as passagens aéreas em voos comerciais para que os pacientes se desloquem de volta para Manaus. 

Os quatro pacientes que ainda permanecem internados apresentam boa evolução e devem receber alta nos próximos dias, de acordo com a equipe médica do HU. Dois deles ainda permanece na UTI, mas devem ser levados à Enfermaria para continuar o processo de recuperação. 

 

Flash Yala Sena
[email protected] 

Imprimir