Cidadeverde.com
Últimas

DPE realiza palestra com ex-ministro José Gomes Temporão sobre a vacina contra a Covid-19

Imprimir

Foto: Reprodução/Ascom

Com a participação de cerca de 280 pessoas, entre inscritos e visualizações, a Defensoria Pública do Estado do Piauí realizou  a palestra “A Importância da Vacinação contra a Covid-19”, com o médico e ex-Ministro da Saúde, José Gomes Temporão. A iniciativa foi da Ouvidoria-Geral da Defensoria, que contou com o apoio e parceria da Escola Superior da Defensoria Pública (Esdepi), responsável pela certificação dos participantes.

A abertura dos trabalhos foi feita pela coordenadora da Esdepi, defensora pública Rosa Mendes Viana Formiga e pelo ouvidor-geral externo da Defensoria, Djan Moreira, que agradeceram a disponibilidade do ex-ministro. A mediação foi feita pelo defensor público de Categoria Especial, Nelson Nery Costa.

Durante cerca de duas horas, o ex-ministro Temporão, que é médico sanitarista com especialização e mestrado em Saúde Pública Pública, doutorado em Medicina Social e membro da Academia Nacional de Medicina, discorreu sobre a importância da vacina dentro de um panorama amplo, destacando a eficácia e características da vacina, passando pela visão nesse aspecto do mercado global de medicamentos, o negócio da indústria farmacêutica e a equidade em termos globais. Também tratou sobre a gravidade do efeito do discurso negacionista nesse momento pandêmico, do impacto negativo das fake news e como isso pode prejudicar a imunização tão necessária da população brasileira e mundial.

“Quero agradecer o honroso convite da Defensoria Pública do Piauí e parabenizar a iniciativa de vocês. Estamos assistindo a uma abordagem sobre a pandemia e a vacinação completamente equivocada. Desde início, é um terror, objeto de denuncias em Tribunais Internacionais. É deplorável. Vemos deputados, senadores, divulgando fake news, e até o presidente da república. Médicos divulgando notícias falsas e o mais grave é que não se trata de incompetência ou omissão, tem uma racionalidade por trás disso. Atentam contra a Constituição. É todo um processo de deseducação permanente. Estamos vendo 250 mil mortes. Poderíamos ter tido um desempenho diferente? Com certeza! Evitado a metade dessas mortes? Com certeza! É necessário cobrar uma campanha eficaz de vacinação. O Poder Público ou a sociedade podem fazer isso frente à inércia do Governo Federal. O papel do Ministério Público e da Defensoria Pública é absolutamente precioso nesse contexto. Quanto à eficácia de cada vacina, é preciso compreender que é muito difícil 
compará-las, porque cada uma fez seus testes em públicos distintos. A do Butantan, por exemplo, foi testada em profissionais de saúde que estão mais expostos. Não tem como comparar com os testes feitos com a população em geral. O que posso dizer é que todas as vacinas certificadas pela Anvisa podem ser usadas com tranquilidade, porque funcionam, reduzem de maneira importante a possibilidade da pessoa ser internada e reduzem drasticamente que venha a óbito. Isso é sensacional em Saúde Pública”, afirmou o ex-ministro José Gomes Temporão.

Ao final da palestra, o ouvidor-geral, Djan Moreira, voltou a agradecer ao ex-ministro Temporão. “Foi um rico momento e agradecemos toda a disponibilidade do ministro Temporão, que nos abrilhantou com tão importante fala. Nesse momento de pandemia, a Ouvidoria da Defensoria Pública do Piauí não poderia se furtar a proporcionar a discussão de um tema tão essencial à preservação da vida, como a vacinação contra a Covid-19. Esperamos que a mensagem aqui repassada possa ser multiplicada, nessa batalha que travamos sobre a importância da vacina. Agradeço à nossa defensora-geral em exercício, Carla Yáscar; ao defensor-geral licenciado, Erisvaldo Marques; à diretora da Esdepi, Andréa Melo; à coordenadora da Esdepi, Rosa Viana; ao defensor Nelson Nery; à Amanda Nolêto, à equipe da Comunicação e da TI, assim como a cada defensora, defensor, servidores, estagiários e à sociedade civil de várias cidades que assistiram a palestra”, destacou.

A defensora pública geral em exercício, Carla Yáscar Bento Feitosa Belchior, também agradeceu a disponibilidade do ex-ministro. “Essa palestra, tão importante, foi sem dúvidas um momento de grande esclarecimento para todos e a Defensoria Pública, que é promotora de direitos humanos e dentro suas ações trabalha a educação em direitos, fica extremamente feliz em poder ter contribuído para informar a população sobre essa pandemia e a vacinação, esclarecendo muitas dúvidas. Essa pandemia tem alterado nossas vidas e temos na vacina a esperança de pelo menos encontrar uma certa normalidade. A expectativa é de vacinação em massa da população. Agradecemos ao ministro Temporão pela disponibilidade e por tão esclarecedora manifestação e ao ouvidor-geral, Djan Moreira, que tem feito a diferença frente a Ouvidoria da Defensoria Pública”, ressaltou.

[email protected] 

Imprimir