Cidadeverde.com
Últimas

River sai na frente, mas cede empate ao 4 de Julho no Albertão

Imprimir
  • jogo8.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • jogo7.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • jogo6.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • jogo5.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • jogo4.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • jogo3.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • jogo2.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • jogo1.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com

O jogo entre River e 4 de Julho terminou no empate por 2 a 2, no Albertão, em Teresina. O Galo saiu à frente no placar e chegou a colocar 2 a 0, com gols de Wilson Potiguar e Netho Brasil. O 4 de Julho conseguiu o empate com gol contra de Zé Antônio e Etinho. Final de jogo 2 a 2. O River volta a campo na terça-feira (9), às 16h, quando enfrenta o Tiradentes, no Albertão. O 4 de Julho encara o Parnahyba, às 16h, no Arena Ytacoatiara, em Piripiri. As duas equipes chegaram aos quatro pontos na tabela.

O jogo

Primeiro tempo do jogo entre River e 4 de Julho foi movimentado. O primeiro gol saiu aos oito minutos dos pés do Camisa 10, Wilson Potiguar, após aproveitar jogada de Jader, cruzamento na linha de fundo e ele só completa. O Colorado teve oportunidade de responder aos 15 em pênalti marcado em cima de Ítalo Pica-Pau. Ted Love vai para bola, cobra e marca, mas o juiz manda voltar e na segunda cobrança a bola fica nas mãos do goleiro Caio Borges. O time desperdiça melhor chance de igualar a contagem, no Albertão.

O River segue crescendo no jogo com destaque para o Camisa 10, Potiguar fazendo frente as jogadas. Aos 21, tem boa chance de ampliar o placar, mas bola passa ao lado da trave. Mas aos 25 da primeira etapa o segundo gol se desenha em novo cruzamento pela direita e Netho Brasil está sozinho na entrada da pequena área para colocar para dentro. River 2 a 0 no 4 de Julho.

No decorrer da partida algumas faltas duras e paralisações devido a discussões dos atletas em campo e alguns cartões são distribuídos. Flávio Araújo muda o time e coloca André e Hildinho em campo e Colorado começa a jogar para frente, com posse de bola e muda o cenário do jogo. Aos 10 minutos, o primeiro gol do time de Piripiri. Cruzamento de Chico Bala a zaga Tricolor se atrapalha e empurra a bola contra a própria meta. Os técnicos seguiam mudando suas equipes tanto Sacramento quanto Flávio Araújo.

Blitz do 4 de Julho na pequena área do River. As bolas áreas mudam o jogo para o time Colorado que tem boas chances com Dudu Beberibe e Gilmar Bahia, que chegam a bater na trave. Mas aos 39, sai o segundo e de empate com Etinho, de cabeça estufou a rede, após cruzamento pela direita.

A partida ainda teve muita discussão principalmente nos minutos finais. O banco do River e os dirigentes presentes no estádio forçaram a arbitragem a parar o jogo e distribuir nova rodada de cartões vermelho e amarelo. Porem ao apito final tudo igual no Gigante da Redenção.

O River volta a campo na terça-feira (9), às 16h, quando enfrenta o Tiradentes, no Albertão. O 4 de Julho encara o Parnahyba, às 16h, no Arena Ytacoatiara, em Piripiri.

 

Pâmella Maranhão

[email protected]

Imprimir