Cidadeverde.com
Entretenimento

Pai de Jamie Dornan, de 'Cinquenta Tons de Cinza', morre por Covid-19

Imprimir

Foto: Reprodução/instagram/@jamiedornanbr

O pai do ator Jamie Dornan, 38, o médico Jim Dornan, morreu aos 73 anos, nesta segunda-feira (15), em decorrência da Covid-19. O artista, conhecido por estrelar a franquia de filmes "Cinquenta Tons de Cinza" (2015), não se pronunciou em suas redes até o momento.

A informação foi confirmada por uma organização de caridade que o médico era benfeitor e patrono, a Leukaemia & Lymphoma, da Irlanda do Norte. O obstetra e ginecologista travou uma luta contra a leucemia linfocítica crônica, descoberta em 2005.

"Notícias muito tristes nessa manhã com o falecimento do Professor Jim Dornan, um patrono apaixonado, defensor e amigo de todos na organização. Jim era um herói a tantas pequenas causas e caridade, e seu legado viverá. Condolências aos amigos e família neste momento difícil", disse a organização no Twitter.

Além de médico, o pai de Jamie Dornan também foi professor de medicina fetal na Queen's University Belfast entre os anos de 1995 a 2012. Ele também foi vice-presidente sênior do Royal College of Gynecologists entre 2004 e 2006.

O britânico também foi presidente da associação de Câncer Pancreático da Irlanda do Norte (NIPanC). A organização havia compartilhado no último sábado (13), também no Twitter, um comunicado de que o médico estava lutando contra o coronavírus.
"Desejamos uma recuperação rápida ao Jim. Todos na NIPanCficaram tristes ao saber da batalha dele contra a Covid-19. Estamos com você, Jim, em nossos pensamentos e orações, e lhe desejamos uma rápida recuperação e o retorno para sua família amorosa".

Além de Jamie, Jim Dornan teve outras duas filhas com Lorna, sua primeira esposa: Liesa e Jessica. Lorna faleceu em 1998 devido a um câncer. Então, o médio se casou pela segunda vez com Samina, uma ginecologista.

O médico fez uma participação especial como ator em um episódio da série "The Fall" (2013), em que seu filho fazia parte do elenco como Paul Spector. Em entrevista ao The Belfast Telegraph, em 2016, ele contou que o roteirista o convidou para participar. "Ele realmente queria que eu fizesse isso pelo Jamie".

 

Fonte: Folhapress

Tags:
Imprimir