Cidadeverde.com
Geral

Semcaspi segue sem data para entrega de cestas básicas

Imprimir

 

Ainda não há data para a Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) realizar a entrega das cestas básicas às famílias vulneráveis de Teresina, por meio do cadastro nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS). A secretária Eliana Lago comenta que a entrega está parada desde dezembro de 2020. 

“A gente tem esse atraso na entrega. Desde dezembro, nós temos 448 cestas para serem entregues. A gente tem toda essa planilha mapeada. A Semcaspi está trabalhando dia e noite para que sejam entregues todas essas cestas, não só a de dezembro, mas (também) as de janeiro, fevereiro e março. Nós temos um déficit de entrega só para essas famílias de aproximadamente 1.161 cestas. Não podemos precisar uma data porque precisamos alinhar isso”, comenta a secretária em entrevista ao Jornal do Piauí, nesta quinta-feira (15). 

As pessoas podem buscar os Centro de Referência de Assistência Social para saber se tem o direito a receber uma cesta básica. Em Teresina, muitas famílias vivem com menos de R$ 100 por mês. Por Lei, as famílias, dependendo da renda que possuem, têm direito a receber cesta básica para ajudar na alimentação. O direito acontece conforme a legislação do Sistema Único da Assistência Social – SUAS. 

“A gente sabe que as pessoas estão vivendo um momento de muito desespero, de fome, de necessidade. Nós estamos em uma pandemia, mas nós temos alguns critérios para que esse benefício ocorra". 

A secretária ressalta que a Prefeitura de Teresina trabalha um decreto para propor cadastro para outra parcela da população, “grupos profissionais que foram abalados pela pandemia. Que tiveram suas perdas financeiras”, explica.  



Carlienne Carpaso
[email protected] 
 

Imprimir