Cidadeverde.com
Últimas

Após discordar de diretoria, Flávio Araújo sai do 4 de Julho; ‘Quebraram planejamento’

Imprimir


Flávio Araújo não é mais técnico do 4 de Julho. O comunicado foi feito pelo próprio técnico após o empate sem gols diante o River. O resultado complicou a vida do time para o decorrer do Campeonato Piauiense. O time tem 17 pontos na tabela restando dois jogos da primeira fase. Precisa vencer suas partidas e torcer por tropeços dos times que estão acima. De acordo com o treinador a dificuldade de avançar até as finais e mudança abrupta no planejamento para a Série D do Brasileiro foram os motivos para o pedido de desligamento. 

 ‘Cerca de mais ou menos uma hora após o jogo o Valdenor me ligou comunicando a mudança da logística do jogo contra o Picos, que seria na manhã de terça para após o almoço e depois falou sobre essa mudança no planejamento para a Série D do Brasileiro, falando que eles iriam reduzir a folha salarial, enxugar e assim não ter como manter o mesmo elenco. Nessa hora eu disse que não aceitava isso e para facilitar a equação toda eu estava saindo do time, pedindo meu desligamento’, explicou Flávio Araújo. 

A falta de confiança e até mesmo o desacreditar da diretoria com relação as possiblidades no Campeonato Piauiense também incomodaram. O 4 de Julho esse ano viu entrar em seus cofres mais de 3 milhões de reais devido aos avanços de fase na Copa do Brasil e as cotas do começo de temporada de Copa do Brasil e Copa do Nordeste. ‘Existe um ditado que diz que enquanto há luz a há esperança. A classificação para a final do Piauiense ficou muito difícil, mas ainda poderia acontecer. Você simplesmente quebrar todo um planejamento, quebrar tudo dessa forma é porque eles não queriam que eu fiquasse’, frisou Flávio Araújo. 

Apesar da lamentação em deixar o trabalho dessa forma o treinador fez questão de frisar o peso positivo desse trabalho no Colorado do Piauí que levou o nome do clube ao cenário nacional e lhe deu nova projeção visibilidade da carreira. ‘Eu sou muito grato a esse grupo do 4 de Julho. Me despedi agora pouco dos atletas através de uma mensagem longa e fiz questão de dizer que eles me reergueram dentro do futebol nacional, pois eu estava no fundo do poço, sem espaço e essas classificações na Copa do Brasil e grande Copa do Nordeste apesar do não avanço mudaram tudo isso’, afirmou o técnico. 

O técnico afirma que no momento não tem nenhuma proposta, mas recebeu uma excelente proposta de um grande clube do cenário nordestino ás vésperas do jogo contra o Cuiabá-MT pela Copa do Brasil. Flávio Araújo não nega também a frustração por deixar o cargo agora, já que o Colorado de Piripiri irá enfrentar o São Paulo pela competição nacional e ainda tem a Série D do Brasileiro no calendário 2021 e boa parte desse planejamento visando esses jogos e competições estavam bem adiantados. 

O 4 de Julho ainda tem mais dois jogos pelo Estadual. O time enfrenta o Picos, na Cidade do Mel e fechando essa primeira fase encara o Flamengo em confronto direto pela parte de cima da tabela. Por enquanto o auxiliar técnico Paolo Rossi fica como técnico interino da equipe. 

 

Pâmella Maranhão
[email protected]

Imprimir