Cidadeverde.com
Últimas

Homem é assassinado e outro fica ferido em briga por morte de cachorro

Imprimir

Uma briga entre dois trabalhadores rurais levou a morte de um e deixou outro ferido no município de Palmeirais (a 112 km de Teresina). 

Segundo a Polícia Militar, a rixa ocorreu devido a morte de um cachorro. Francisco Pereira da Silva, 50 anos, tutor do cão, morreu golpeado por facão. Gonçalo Sousa da Silva, 51 anos, é suspeito de matar o cachorro e assassinar o dono do animal.

O crime ocorreu ontem por volta das 9h30 na estrada que leva a localidade Carnaíba, zona rural da cidade de Palmeirais. Na briga, Gonçalo teve um dos dedos cortados e ferimentos nas mãos e no rosto. A Polícia Militar informou que um dos órgãos atingidos seria o olho e que Gonçalo foi levado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT).

O comandante do GPM de Angical, cabo Flaubertt Leal, informou que os dois moraram em assentamentos diferentes e o desentendimento entre os dois iniciou com a morte do animal. 

“Havia uma rixa por conta da morte do cachorro. Gonçalo informou que matou o animal porque o cão avançou pra cima dele e teve que matar o animal”, informou o comandante.

Ele disse que após a briga, Gonçalo caminhou cerca de 2km e foi encontrado deitado em debaixo de uma árvore todo ensanguentado. Ele foi preso em flagrante e trazido até o HUT. 

O delegado de Palmeirais, Thiago Silva, informou ao portal Cidadeverde.com que vai investigar o crime e que não tinha detalhes do ocorrido. 

Flash Yala Sena
[email protected]

Imprimir