Cidadeverde.com
Geral

Após flexibilização de decreto, Vigilância Sanitária reforça fiscalização em Teresina

Imprimir

 

Após a flexibilização do funcionamento de bares e restaurantes, estabelecida pelo decreto do governo do Estado, a gerência de Vigilância Sanitária de Teresina anunciou que vai reforçar as equipes de fiscalização para garantir o cumprimento das medidas sanitárias de prevenção à covid-19. Nos próximos dias, mais equipes devem ser enviadas aos estabelecimentos de todas as regiões da cidade. 

"Embora a maioria dos estabelecimentos esteja colaborando com os protocolos, ainda há aqueles resistentes e preciso que as fiscalizações estejam nas ruas todos os dias para que possamos garantir a obediência a esses decretos. Como essa semana  a permissão de funcionamento vai ser extensiva ao domingo, até a 23 horas, vamos intensificar   as fiscalizações e aumentar a quantidade de equipes nas zonas", explicou a gerente de Vigilância Sanitária Larisse Portela. 

As equipes que atuam na fiscalização das medidas sanitárias em Teresina enfrentaram dificuldades nos últimos dias para garantir o cumprimento do que manda os decretos. Em alguns estabelecimentos, clientes chegaram a resistir ao horário limite de funcionamento. 

"Realmente, esse final de semana, encontramos uma resistência maior por parte da população, por parte dos consumidores, em permanecer nos estabelecimentos após o horário de funcionamento. As pessoas precisam entender que todas as medidas sanitárias ainda continuam precisando ser obedecidas. É preciso  que todos os cuidados sejam mantidos", disse Larisse Portela. 

Balanço 

Dados da gerência de Vigilância Sanitária de Teresina apontam que, somente no mês de maio, já foram realizados 14 autos de infração e 56 notificações contra estabelecimentos que descumpriram normas sanitárias. 

A multa para quem descumpre as medidas pode variar entre R$ 500 e R$ 17 mil .

 

Natanael Souza
[email protected] 

Imprimir