Cidadeverde.com
Política

Ciro busca apoio dos governistas e diz: “só não quero do PT e PC do B”

Imprimir

Foto: Roberta Aline

O presidente Nacional do Progressistas, Ciro Nogueira afirmou nesta segunda-feira (17) que a oposição espera contar com  apoio de partidos que estão na base do governador. Legendas como PSD e MDB estão na mira do senador.

"Não tenho dúvidas. Se continuarmos com esses índices de intenções de voto, apoio maciço de prefeitos do interior. Esses partidos vão acompanhar a vontade  popular. Já disse que só não  quero o apoio do PT e PCdoB. Todos os outros partidos dialogamos com todos. Isso para virar a página e encerrar esse ciclo que não tem feito bem ao nosso estado. Vamos começa uma nova época de desenvolvimento e trabalho e focar em prestar um bom serviço e trazer obras como essas do Hospital Infantil", afirmou.

Ciro ainda evita afirmar ser o candidato a governador. Ele volta a dizer que se aparecer um nome mais viável, ele pode abrir mão  da candidatura.

"Se fosse hoje a eleição, eu seria o candidato. Mas, temos o próximo ano. Se surgir alguém melhor do que eu, não tem problema. Mas não é esse o provável de acontecer. Se continuar, serei candidato a governador para mudar a realidade do Piauí ", disse.

Ciro destaca o apoio e nomes como Sílvio Mendes e o ex-senador João Vicente Claudino.  Segundo ele, os dois podem ter espaço  na chapa majoritária.

"São dois grandes quadros que se somam a outras pessoas. Vem para somar  e reconhecer o momento do estado virar essa página. São nomes que se Deus quiser estarão percorrendo o Piauí. Poderão estar em uma chapa majoritária. Não  vamos colocar o projeto pessoal acima do Piauí. Quem vai escolher o papel de cada um é a população. Acordo partidário deixo por parte do governo. Lá e que se faz acomodações. Aqui temos que respeitar a população ", destaca.

Hospital Infantil

Na manhã de hoje, ele visitou as obras de reforma do Hospital Infantil. Ciro e a deputada federal Iracema Portela destinaram emendas para a reestruturação do hospital.

A obra deve ser entregue no próximo mês. 

"É um trabalho da nossa bancada federal. Me lembro que uma parte do hospital estava com o teto caindo, com risco de incêndio e iminência de uma tragédia. Estivemos como ministro e falamos que era preciso evitar essa tragédia. Graças a Deus conseguimos os recursos. E nosso único hospital infantil. É preciso ter um lugar digno. Agora é um novo hospital. No próximo mês deveremos inaugurar e entregar a população", afirmou.

Veja mais:

Bolsonaro vai lançar programa para substituir Bolsa Família, diz Ciro Nogueira

 

Flash Lídia Brito
[email protected]

  • 20210517090132_IMG_2101.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517090206_IMG_2107.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517090239_IMG_2108.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517090314_IMG_2122.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517091022_IMG_2171.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517092040_IMG_2188.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517092227_IMG_2206.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517092418_IMG_2227.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517092602_IMG_2241.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517092848_IMG_2266.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517092907_IMG_2268.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
  • 20210517093009_IMG_2282.jpg Roberta Aline/Cidadeverde.com
Imprimir