Cidadeverde.com
Esporte

O título de campeão Piauiense é da Associação Esportiva de Altos

Imprimir

No decorrer do Campeonato Piauiense afirmei várias vezes a superioridade do time do Altos em relação aos seus adversários. Com jogadores decisivos e outros bem eficientes em suas funções táticas, estava claro que o Jacaré tinha mais possibilidades de levantar a taça.  

Foto - Aldo Carvalho - Fluminense E.C

E o título foi conquistado na decisão com o Fluminense e com duas vitórias por 2 x 1 e 3 x 0.

Na tarde deste sábado, tendo como palco o Estádio Ytacoatira, em Piripiri, Altos passou por maus momentos e acabou vencendo por 3 x 0 porque estavam em campo jogadores decisivos.

Mondragon mostrava categoria como goleiro; Klenisson, jogando muita bola, criava boas situações e os artilheiros Betinho e Manoel estavam em campo para os gols do título. 

Altos mereceu ser campeão porque tem o melhor time e fez a melhor campanha no geral. Precisando apenas do empate, Altos fez 1 x 0 logo aos 4 minutos de jogo. Estava aberto o caminho para uma grande vitória.

O Fluminense fez bonito. Desativado há mais de 40 anos, o tricolor chegou às finais da competição e ficou com o vice, garantindo presença, ao lado de Altos, em competições nacionais de 2022.

Foto - Elziney Santos - FFP

Ficha técnica do jogo Altos 3 x 0 Fluminense:

Local – Estádio Ytacoatira, em Piripiri.

Os gols do jogo:

Altos 1 x 0 – jogada de Gean e Klenisson pela direita. Klenisson realizou o passe perfeito para Betinho inteiramente livre na meia lua da área. Saiu o chute certeiro no cantinho direito de Flávio Henrique.

Altos 2 x 0 – Assistência perfeita de Juninho Arcanjo para Manoel, livre dentro da área, marcar de cabeça.

Altos 3 x 0 – Falta cobrada por Juninho Arcanjo para Manoel, novamente livre de marcação, completar de cabeça, fazendo 3 x 0.

Altos campeão com: Mondragon; Gean, Reinaldo Lobo (Rafael Araújo), Leandro Amorim e Tiaguinho; Dos Santos, Ray, Róger Gaúcho(Lucas Campos) e Klenisson (Juninho Arcanjo); Manoel e Betinho(Jardel). Técnico – Marcelo Vilar. 

O goleiro Mondragon, novamente exibindo sua categoria, teve atuação destacada, assim como Klenisson, autor de excelentes jogadas, inclusive no  lance do primneiro gol. Juninho Arcanjo brilhou ao servir Manoel para dois gols. 

O artilheiro Manoel não teve uma grande atuação, mas bola na rede é com ele mesmo. Marcou mais dois gols e é o artilheiro do Campeonato Piauiense com 13 gols.

Fluminense vice-campeão com: Flávio Henrique; Émerson (Batista), Mateus, David e Hiago (Álisson); Jomar, Geandro( Júnior Chicão), Gleisinho e Bismarck(Juninho); Eduardo e Lopeu. 

Técnico – Wallace Lemos. 

Árbitro – Antônio Dib Moraes de Sousa.

Assistentes – Mauro Evangelista de Sousa e Rogério de Oliveira Braga.

Completaram a arbitragem Diego da Silva Castro e Edimar Leite.

Jogadores altoenses fizeram a festa do titulo no gramado do Estádio Ytacoatira carregando o troféu Jesus Elias Tajra, entregue ao capitão Dos  Santos pelo Presidente da CBF, Rogério Caboclo. 

O mandatário maior do futebol brasileiro veio ao Estado do Piauí prestigiar a Federação Piauiense, cujo Presidente é Robert Brow, e a final do Campeonato Estadual de 2021.

Dídimo de Castro
[email protected]

Imprimir