Cidadeverde.com
Geral

Secretaria de Saúde do MA diz que ainda não há transmissão local da cepa indiana

Imprimir

Ascom SES-MA

Cúpula da Saúde do Maranhão reunida para tratar da vacinação na Grande Ilha

A Secretaria de Estado da Saúde do Maranhão (SES) divulgou uma nota sobre o monitoramento do navio “MV SHANDONG DA ZHI” com tripulantes indianos onde foi confirmada a variante B.1.617.2 do novo coronavírus conhecida como cepa indiana. A SES informa que, até o momento, não há confirmação de transmissão local desta cepa. 

Pelo menos seis tripulantes estão com a variante e teriam tido contato com cerca de 100 pessoas que estão sendo testadas. Os resultados das análises de amostras foram enviadas ao Instituto Evandro Chagas, laboratório de referência para sequenciamento genômico. 

Segundo a secretaria, 23 tripulantes do navio permanecem assintomáticos e em quarentena na embarcação, em área de fundeio, no alto mar. 

O único tripulante internado continua em leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), com quadro clínico grave, no hospital privado, em São Luís.

A secretaria comunica, ainda, que permanece com o monitoramento dos contactantes, por meio do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS), e mantém a cooperação com a Anvisa e o Ministério da Saúde.

No Piauí, o Ministério Público expediu nesta segunda-feira (24) uma recomendação às autoridades de saúde do Piauí para a adoção de providências imediatas para evitar a chegada da variante indiana do novo coronavírus ao Estado.  

Os estados do Pará e Ceará também confirmaram que investigam casos suspeitos de infecção pela variante indiana do coronavírus.

Mais vacinas 

O Maranhão recebeu, nesta segunda-feira (24), 300 mil doses extras da vacina AstraZeneca, solicitadas ao Ministério da Saúde. Com a remessa, será possível acelerar o processo de imunização nos municípios da Grande Ilha: São Luís, São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar. Além das doses, o MS enviou cerca de 700 mil insumos, entre agulhas e seringas. 

Com as novas doses, o Maranhão já recebeu 2.872.260 doses, sendo 1.181.740 de CoronaVac, 1.630.850 de AstraZeneca e 59.670 doses da Pfizer.

 

Caroline Oliveira
Com informações da Secretaria da Saúde do Maranhão
[email protected]

Imprimir