Cidadeverde.com
Geral

Diretora da Sesapi atribui o aumento de casos da Covid à banalização de normas no Piauí

Imprimir

Amélia Costa, coordenadora de epidemiologia da Secretaria Estadual de Saúde, atribui o pico da doença em algumas cidades do Piauí, devido a banalização das normas sanitárias. Nesta quinta-feira (17), Amélia fez um alerta sobre o aumento de casos da doença no estado.

Hoje, o portal Cidadeverde publicou levantamento de pesquisadores da Universidade Federal do Piauí (UFPI) e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que mostra as cidades no Piauí que mais registraram novos casos de Covid-19 este mês. 

Pelo menos 10 cidades registram um pico da doença com aumento inclusive de busca por interações.

“Houve uma banalização da população. Há um grande contingente de pessoas vacinadas e elas têm que entender que a vacina não é 100% eficaz. A vacina contribui muito com a redução dos casos graves, mas vai depender do organismo de cada um”, esclarece Amélia Costa.

A coordenadora ressalta que a pessoa mesmo vacinada precisa manter as medidas sanitárias como uso da máscara, manter distanciamento, lavar as mãos e uso de álcool em gel.

Foto: Yala Sena

Ela destaca que as festas clandestinas também contribuem para o aumento de casos.

Sobre as variantes do coronavírus, Amélia disse que no Piauí circula as sebas P1, P2 e N9. Segundo ela, a preocupação recentemente é a com a variante do Peru, que está se espalhando pela América Latina.

Flash Yala Sena
[email protected]

Imprimir