Cidadeverde.com
Geral

Estudantes piauienses são finalistas da Olimpíada de História do Brasil

Imprimir

Os estudantes piauienses da Unidade Escolar Alberto Leal Nunes, localizada no município de Regeneração, estão na final da 13ª Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB), organizada pela Unicamp. A Olimpíada iniciou sua primeira fase em maio com a participação de mais de 10 mil equipes de todo o Brasil, sendo 195 equipes piauienses. O Piauí contará com quatro equipes na última fase e entre os finalistas está a equipe “Analistas”. A participação das estudantes é organizada sob orientação de um professor, sendo cada equipe composta por três alunos.

A Olimpíada de História é composta de seis fases classificatórias e a sétima fase finalista, em que cada fase dura uma semana e as equipes se reúnem para analisar e responder questões e realizar tarefas em cada fase. O excelente desempenho na 13ª edição da ONHB permitiu que a equipe Analistas, composta pelas alunas da 1ª série do Ensino Médio, Maria Luisa Vasconcelos da Conceição Silva, Ana Letícia Eustórgio Guedes e Maria Luisa Batista de Oliveira, orientadas pelo professor e diretor Ismael Lima, alcançasse a participação na grande final.

Elas trabalharam temas gerais sobre história do Brasil e interdisciplinaridade com outros temas envolvendo geografia, literatura, urbanismo e atualidades. O subtema envolveu preconceito racial, gênero, a pandemia do coronavírus e o processo de emancipação política envolvendo a independência do Brasil.
Entre as tarefas, os alunos produziram conteúdos relacionados a imagens históricas, transcrição de documentos antigos selecionados pelos alunos e montaram uma exposição sobre o bicentenário da Independência Brasileira, que será trabalhado em 2022. 

O orientador explicou que as fases exigiram diversas reuniões durante a semana para análises e resoluções de questões e tarefas. “A escola inscreveu seis equipes para a Olimpíada e trabalhou na preparação dos estudantes de 3 horas por dia, com aulas e estudos por meio de aplicativos e reuniões virtuais via Google Meet. Em virtude da pandemia, as equipes se alternavam em reuniões presenciais para discutir a fase com o orientador e se reuniam em encontros virtuais para alcançar os objetivos da fase de realizarem as diversas tarefas. Após seis longas fases, repletas de desafios, superação, muito aprendizado a equipe Analistas da escola Alberto Leal Nunes faz parte desse grupo que representará nosso Estado na final”, comentou Ismael Lima.

Final
Segundo a organização da ONBH, caso a grande final seja realizada de forma on-line devido à pandemia, a prova será aplicada entre 13 e 17 de agosto e a cerimônia de premiação ocorrerá dia 29 de agosto. Caso seja presencial, a prova será realizada dia 14 de agosto e a premiação no dia 15 de agosto.
A Olimpíada Nacional em História do Brasil é um projeto de extensão da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

A ONHB é aberta para professores e alunos dos ensinos Fundamental (8º e 9º anos) e Médio de escolas públicas e particulares de todo país. Ao todo, são realizadas seis etapas on-line com questões de múltipla escolha e realização de tarefas. 

[email protected]

 

Imprimir