Cidadeverde.com
Política

Marden Menezes defende diálogo para entendimento entre Progressistas e PSDB

Imprimir

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

O deputado Marden Menezes defende que o PSDB e o Progressistas dialoguem para definição da estratégia da oposição em 2022. Ele nega imposição por parte dos progressistas para que os tucanos indiquem o vice na chapa que deve ter o senador Ciro Nogueira como candidato a governador.

Lideranças do Progressistas afirmam que por acordo feito na eleição municipal do ano passado, agora seria a vez do PSDB indicar o vice e não o cabeça de chapa como ocorreu em Teresina. Naquela ocasião, Kleber Montezuma (PSDB) disputou a prefeitura e teve R. Silva (Progressistas) como vice. 

“Não há imposição. Vamos avaliar as possibilidades e ouvir o povo. O PSDB com Sílvio e o Progressistas que tem uma força indiscutível no interior, liderado por Ciro. são as duas forças capazes de construir um caminho para as oposições no Piauí. Diria que a chapa das oposições passa pelo diálogo, aproximação, entendimento entre as duas siglas”, destacou. 

Marden destaca a força do PSDB na capital e faz críticas à gestão de Dr. Pessoa.  “Teresina não tem a presença física do Firmino que foi uma terrível surpresa para todos. Mas tem um grande líder vivo quanto Firmino que é Sílvio Mendes. A volta de Sílvio para o PSDB e a vida pública traz uma esperança não para a classe política, mas para o povo teresinense”, afirma.

Lídia Brito
[email protected]

 

Imprimir