Cidadeverde.com
Entretenimento

Sérgio Mamberti sobre bissexualidade aos 82: 'Não adianta esconder'

Imprimir

 


O ator Sérgio Mamberti, 82, diz ser bissexual. A revelação consta em seu livro autobiográfico "Sérgio Mamberti: O Senhor do Meu Tempo", que chegou às lojas em abril pela Edições Sesc.

Na narrativa, Mamberti conta que teve dois grandes amores em sua vida: um com uma mulher e outro com um homem. O ator, a princípio, se casou com sua melhor amiga, Vivian Mehr, com quem teve três filhos. Ela morreu jovem, aos 37 anos, em 1980.

"Nós tínhamos uma sincronia de pensamentos e de criatividade, embora fossemos bem diferentes. Acompanhei a Vivian até os últimos momentos dela, foi um dos momentos mais difíceis que passei na minha vida. Fiquei quase dois anos me recuperando", conta Sérgio ao Notícias da TV.

E foi durante uma viagem que Mamberti conheceu Ednaldo Torquato, homem que se tornou seu companheiro durante 37 anos. Ele morreu em 2019 aos 62 anos. A relação nunca foi segredo na família.

"Como é que eu ia esconder dos meus filhos que eu estava com um companheiro, sendo que ele morava comigo?", diz. Juntos, ambos adotaram uma filha. "Sei que nunca vou me recuperar dessas duas perdas, mas a vida exige coragem e esperança para seguir em frente", disse.

O ator comenta que nunca quis falar sobre o assunto abertamente na TV e queria ter a liberdade de escolher o melhor momento para isso. Porém, para ele essa questão sempre foi bem resolvida.

"Não adianta esconder porque a qualquer hora isso pode vir à tona. Talvez a gente tenha tido, em alguns momentos, que enfrentar determinados problemas, mas muito menores do que se eu tivesse tentado esconder", emendou.

 

Fonte: Folhapress

Imprimir