Cidadeverde.com
Últimas

Posto de combustível é assaltado e frentista é levado pelos criminosos

Imprimir

Fotos: Roberta Aline

Mais uma noite de violência para frentistas de Teresina. Homens armados invadiram o posto de combustível – na avenida Petrônio Portela com a Duque de Caixas, zona Norte da capital, arrombaram o cofre e levaram de refém o frentista que estava de plantão. Ele ficou na mira dos criminosos por cerca de 4 horas.

O crime ocorreu por volta das 22h quando os homens  chegaram em um veículo e anunciaram o assalto. 

O Cidadeverde.com apurou que o frentista desde o início do assalto ficou na mira dos criminosos com revolver na cabeça.

Eles conseguiram arrombar o cofre sem usar explosivos. 

O frentista foi levado pelos assaltantes e liberado no povoado Tapoca do Pau Ferrado por volta das 2 h da madrugada. Ele foi encontrado por policiais do 8º Batalhão.

O Greco (Grupo de Repressão ao Crime Organizado) investiga o crime.

Policiais do Greco estão no posto de combustível desde às 7 h da manhã realizando os procedimentos de coleta de informação e tentando acessar as imagens do circuito de câmeras de segurança.

De acordo com informações repassadas por um dos investigadores, o cofre foi aberto com um "corte preciso", o que demonstra que os criminosos já possuíam habilidade e conhecimento com o tipo de material.

Representantes da empresa de segurança que presta serviço ao posto de gasolina também estão no local e acompanham o trabalho dos policiais.

O comandante da Força Tática do 9º BPM, capitão Leodomir, informou ao Cidadeverde.com que sua equipe foi a primeira a chegar ao local após o roubo ser comunicado. Ele destaca que os criminosos entraram pelos fundos e foram direto ao cofre.

"Eles entraram pela retaguarda do posto de gasolina, arrebentando a parede e chegando até o cofre. Foi levada um quantia em dinheiro, mas não sabemos quanto", disse.

Ainda de acordo com o relato da PM, o frentista foi liberado pelos criminosos por volta das 2h da manhã na BR 343, próximo a gente entrada do povoado taboca do pau ferrado, até a Avenida João XXIII, onde foi socorrido por equipes do 5° Batalhão.

"Ele foi socorrido pela viatura do 5° batalhão e trazido até o posto, onde conversamos com ele e pegamos algumas informações para repassar à polícia judiciária", relatou o capitão Leodomir.

 

Aguarde mais informações

 

Flash Yala Sena e Natanael Sousa
[email protected]

Imprimir