Cidadeverde.com
Esporte

Bragantino vence Rosario na Argentina e se aproxima da semifinal da Sul-Americana

Imprimir

O Red Bull Bragantino deu um passo importante para chegar às semifinais da Copa Sul-Americana. Com três gols e uma assistência do atacante Artur, grande protagonista do duelo, o time paulista venceu o Rosario Central, por 4 a 3, na Argentina, pelo duelo de ida das quartas de final.

Foto: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino

Artur teve um primeiro tempo de gala na Argentina, quando marcou dois gols e deu uma assistência. No segundo tempo, quando o Rosario pressionou, a estrela do atacante voltou a brilhar com mais um gol, garantindo o importante resultado fora de casa.

Os times voltarão a se enfrentar na próxima terça-feira, às 19h15, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP). O Red Bull Bragantino pode perder por até um gol de diferença, que ainda assim estará classificado às semifinais, já que nesta fase o gol fora de casa é critério de desempate. 

Já o Rosario Central terá que vencer por dois gols de diferença para seguir na competição.

Mesmo fora de casa, o time brasileiro não se intimidou e pressionou o Rosario para abrir o placar. Tanto é que, logo aos sete minutos, Raul arriscou na entrada da área e acertou a trave do goleiro Broun.

A partir daí o time paulista viu brilhar a estrela do atacante Artur. Aos 15 minutos, ele cruzou na área e encontrou Praxedes para completar ao gol. Logo depois, Lucas Evangelista foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. Aos 19, Artur foi para a cobrança e ampliou.

Com dois gols de desvantagem, restou ao Rosario Central sair para o jogo e aos 22 os argentinos descontaram. Damián Martínez aproveitou rebote e cruzou na medida para Marco Ruben fazer o primeiro na partida.

Com 2 a 1 no placar, o Rosario seguiu no ataque e poderia ter empatado. Só que foi o Red Bull Bragantino que voltou a marcar. Aos 42 minutos, Cuello cruzou na área e Artur, em noite iluminada, fez o terceiro do time paulista e o seu segundo gol no confronto.

No segundo tempo a partida seguiu movimentada, só que com o Red Bull Bragantino sofrendo com as bolas aéreas do Rosario Central.

E, num desses lances, aos nove minutos Marco Ruben recebeu cruzamento e fez o segundo dos argentinos. A dificuldade dos brasilerios era tanta que, aos 16, Caraglio, de cabeça, deixou o placar empatado em 3 a 3.

Só que o empate não desestabilizou o Red Bull Bragantino, que tinha Artur em noite iluminada. E novamente a estrela do atacante brilhou.

Aos 27, ele recebeu lançamento e finalizou com categoria, anotando seu hat-trick em campo e recolocando os paulistas em vantagem no placar.

Novamente em vantagem, os paulistas tiveram mais cautela em campo, se fecharam na defesa e conseguiram segurar o resultado positivo até o apito final, num jogo emocionante.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir