Cidadeverde.com
Geral

Bebê que vivia em UTI de hospital morre após parada cardíaca

Imprimir

Foto: Arquivo Pessoal

Atualizada às 10h

A bebê Marya Cleiane, que vivia há quatro meses na UTI neonatal da Maternidade Wall Ferraz, não resistiu e faleceu na noite dessa quarta-feira (25) após uma parada cardíaca.

Marya Cleiane possuía uma doença congênita no coração e aguardava para realizar uma cirurgia fora do estado. Desde os primeiros dias de vida no hospital, a bebê já havia sido diagnosticada com pneumonia duas vezes.  

No mês de julho, havia surgido uma oportunidade de transferência para a realização da cirurgia cardíaca em Recife, estado de Pernambuco, porém a bebê estava fazendo uso de antibióticos e não pôde realizar o procedimento.

A Secretária de Estado da Saúde do Piauí (Sesapi) informou que a bebê chegou a ser consultada por vídeoconferência com os médicos do Hospital do Coração (HCor) em São Paulo, mas a unidade de saúde não aceitou a paciente devido a complexidade do caso. 

A família informou que o sepultamento da criança será realizado às 17h dessa quinta-feira (26), no cemitério da Santa Maria, zona norte de Teresina. 

 

Rebeca Lima
[email protected]

Imprimir