Cidadeverde.com
Geral

Feirantes pedem maior prazo para deixar mercado do Renascença II

Imprimir

 

 

Feirantes que atuam no mercado do Renascença do II, zona sudeste de Teresina, reclamam do prazo dado pela prefeitura de Teresina para que eles saiam do local, que deve passar por uma reforma nos próximos meses. Eles devem ser transferidos temporariamente para um outro espaço, nas proximidades, enquanto as obras estiverem sendo executadas. 

De acordo com os feirantes, equipes da Saad Sudeste informou que todos devem deixar mercado até o dia 11 de outubro. "Nós fomos convocados de imediato para receber a chave dos boxes provisórios, que não dão condições de trabalho pra gente. Nós queremos que seja um tempo maior. Queremos permanecer aqui até o início de janeiro. Só podemos fazer, se a gente tiver tempo", destacou Galdino Rodrigues, um dos permissionários do mercado. 

O superintendente da Saad Sudeste, Zé Nito, informou que a pasta está aberta a negociar a transição e os prazos para o início da reforma junto aos feirantes que atuam no mercado. "Nós conseguimos estruturar o mercado provisório e no final de semana passada fizemos o sorteio para que cada permissionário saiba qual é o seu box.Colocamos que no prazo de 20 dias todos pudessem fazer a transferência para o mercado provisório. Estamos abertos ao diálogo. Com certeza, a construção de um novo mercado é para satisfazer a comunidade como um todo e os permissionários que ali trabalham", destacou. 

Ainda na manhã desta terça-feira (21), o secretário de Comunicação da Prefeitura de Teresina, Lucas Pereira, informou que o prefeito Doutor Pessoa irá ao local pessoalmente para conversar com os feirantes. A Prefeitura  também garantiu que vai ampliar o prazo dado para a transição. 

 


Natanael Souza
[email protected]

Imprimir