Cidadeverde.com
Esporte

Coritiba sofre e só empata em casa com o penúltimo colocado Confiança na Série B

Imprimir

Líder isolado, o Coritiba sofreu, mas empatou com o Confiança na noite desta terça-feira, por 1 a 1, no estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR), pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Foto: Coritiba/Divulgação

Nirley abriu o placar para os visitantes e William Alves fez para o time paranaense aos 45 minutos do segundo tempo.

O empate mantém o time paranaense na liderança, agora com 53 pontos ganhos. Acontece que a diferença para o Botafogo, vice-líder, que é de seis pontos, pode cair para três, caso os cariocas vençam o Vitória nesta quarta-feira, às 21h30, em Salvador (BA).

Já o Confiança confirmou sua boa fase e chegou ao quinto jogo sem derrota - duas vitórias e três empates. Ainda assim o time sergipano aparece em penúltimo lugar, com 22 pontos - cinco pontos atrás do Londrina, primeiro time fora da zona de rebaixamento.

Como esperado, o Coritiba começou a partida pressionando o Confiança pelo primeiro gol. Logo aos cinco minutos, Rafinha chutou de fora da área e a bola desviou na marcação. O VAR foi acionado para analisar possível toque de mão do jogador sergipano dentro da área, mas o juiz nada marcou.

Com maior posse de bola, o Coritiba teve mais facilidade de chegar na área adversária. Aos 11, Rafinha fez jogada individual e tocou para Léo Gamalho finalizar em cima do goleiro Rafael Santos, que deu rebote.

O mesmo Léo Gamalho pegou a sobra, mas foi travado por Jonathan Bocão na área.

Mas aos poucos o Confiança saiu para o jogo e passou a assustar o Coritiba. Tanto é que abriu o placar. Aos 20 minutos, João Paulo cruzou na área e o zagueiro Nirley, na segunda trave, cabeceou para as redes.

Com a vantagem no placar, os visitantes apertaram ainda mais a marcação e levaram a vantagem parcial para o intervalo.

Para o segundo tempo, o técnico Gustavo Morínigo fez mudanças que deixaram o Coritiba mais ofensivo e consequentemente a pressão pelo empate foi intensa. Aos quatro minutos, Val recebeu na meia-lua e finalizou de esquerda. O goleiro Rafael Santos se esticou e desviou para a linha de fundo.

O Confiança não abriu mão da cautela defensiva e esperou os contra-ataques para ampliar. Aos 14, Jhemerson deu linda assistência para Rafael Vila, que invadiu a área e finalizou cruzado, assustando o experiente Wilson.

Na reta final da partida o Coritiba foi para o tudo ou nada e empatou. Aos 45, o centroavante Léo Gamalho recebeu pelo lado esquerdo e cruzou na cabeça de William Alves, que testou no ângulo de Rafael Santos, dando números finais ao confronto.

O Coritiba volta a campo na segunda-feira para enfrentar o Remo, às 20 horas, no estádio Baenão, em Belém (PA). Já o Confiança receberá o Vasco no domingo, às 18h15, no estádio Batistão, em Aracaju (SE).

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir