Cidadeverde.com
Esporte

Avaí vira contra o Botafogo fora de casa e assume vice-liderança da Série B

Imprimir

O Avaí venceu o Botafogo de virada por 2 a 1, na noite de hoje (2), no Nilton Santos, pela 28ª rodada da Série B, e assumiu a vice-liderança do campeonato. Os gols foram de Diego Gonçalves, Jean Cléber e Bruno Silva.

Foto - Vitor Silva - Botafogo

Com o resultado, o Leão da Ilha chega ao segundo lugar da competição, com 49 pontos. O Glorioso continua com 48, e desce para a terceira posição.

Na próxima rodada, os catarinenses recebem a Ponte Preta na Ressacada, às 19h de terça-feira (5). Já o time de Enderson Moreira pega o CRB, novamente no Nilton Santos, na sexta (8), também às 19h.

PRIMEIRO TEMPO MORNO

Mais truncado e estudado que técnico, o primeiro tempo teve pouca criatividade dos setores ofensivos devido à forte marcação dos dois lados. Os visitantes avançaram mais vezes, mas sem levar perigo à meta botafoguense. O Fogão atacou menos, mas assustou com um belo gol anulado por impedimento.

GOLAÇO ANULADO

Aos 31 minutos, Marco Antônio foi acionado pela intermediária, aparecendo nas costas da zaga e fazendo um belíssimo gol de cobertura. Porém, a arbitragem marcou o impedimento do camisa 70. Foi o lance mais bonito de uma etapa inicial escassa em boas oportunidades de gol.

CLIMA QUENTE NO GRAMADO

Com a vice-liderança em disputa, a primeira etapa também foi protagonizada pelos momentos de tensão entre os adversários. Aos 5 minutos, após Edílson chutar a bola contra Barreto, caído ao chão, Chay cobrou o lateral e o lance gerou discussões logo no início do jogo. 

Cerca de 30 minutos depois, o ala do Avaí voltou a entrar em uma confusão, desta vez após um lance com Carli. O clima esquentou, mas o princípio de briga foi apartado instantes depois.

BOTA SAI NA FRENTE NO SEGUNDO TEMPO, MAS LEVA VIRADA

O cenário na etapa final foi oposto ao do primeiro tempo. Logo no início, os donos da casa abriram o placar após cruzamento de Chay, que desviou na zaga do Avaí e entrou contra - o tento, no entanto, foi computado para Diego Gonçalves. 

O Avaí reagiu e empatou aos 16, com Jean Cléber: o meio-campista alçou a bola na área, ninguém desviou e ela morreu no fundo do gol. Quando o empate parecia encaminhado, a virada chegou com Bruno Silva, que selou a vitória do Avaí no Rio de Janeiro.

LEI DO EX

O gol da virada do Leão chegou com a Lei do Ex no Nilton Santos. Após boa jogada de Jadson, Romulo cruzou fechado e Diego Loureiro espalmou para a entrada da área. O ex-botafoguense apareceu sozinho e encheu o pé, no canto direito do goleiro, sem chances para defesa.

MELHOR ATAQUE VS. SEGUNDA MELHOR DEFESA

O jogo no Estádio Nílton Santos marcou o encontro entre o melhor ataque da competição, o Botafogo, com 39 gols, contra a segunda melhor defesa, com 20 sofridos. 

À parte do gol botafoguense, que veio em falha defensiva em uma bola parada, o Leão da Ilha soube segurar as ofensivas dos donos da casa e, mesmo com a desvantagem, reagiu bem virou a partida fora de casa.

Fonte: UOL/FOLHAPRESS

Imprimir