Cidadeverde.com
Últimas

Presidente do Cori-Sabbá fala em buscar título da Série B em Oeiras: “Está tudo em aberto”

Imprimir

Os primeiros 90 minutos da decisão do Campeão Piauiense da Série B aconteceu na quarta-feira (6) entre Cori-Sabbá x Oeirense e os times saíram do estádio Tibério Nunes, em Floriano com um empate sem gols. O jogo de volta acontece no sábado (9), às 15h45min, no estádio Gerson Campos, em Oeiras. Os dois times estão credenciados a disputar a Série A do Piauiense em 2022 e jogam para definir apenas o campeão da Segundinha. 

Apesar de não ter conseguido abrir vantagem jogando em casa o presidente do Cori acredita em conquista de título na casa do adversário. “Temos todas as condições de sermos campeões em Oeiras, com todo respeito ao nosso adversário Oeirense, mas vamos em busca disso. O primeiro jogo aqui (em Floriano) deixou claro o bom nível e equilíbrio. Não há favoritos”, disse o presidente do Cori-Sabbá, Anderson Kamar. 

A partida na teoria deveria ter acontecido sem a presença de público, porém houve um acréscimo na quantidade de convidados por parte da FFP e por isso ao invés de 50 pessoas, mais de 150 puderam comparecer ao estádio Tibério Nunes na tarde de ontem (6). Apesar do estádio na cidade de Floriano não ter nenhum laudo. Na cidade de Oeiras a exceção por parte da federação deve se repetir para os donos da casa – o Oeirense. 

A diretoria, atletas e comissão técnica da Águia de Floriano fala muito em busca de título como forma de coroar o trabalho, porém se mostra em festa pelo retorno a elite. “Os últimos anos foram difíceis com a cidade de Floriano que é apaixonada pelo futebol fora do cenário. 
A pandemia complicou ainda mais as coisas e não conseguimos sequer disputar a Série B ano passado então estamos em festa e prontos para esse retorno”, acrescentou Kamar. 

Com o empate sem gols fica tudo em aberto para os últimos 90 minutos da decisão pela Série B do Piauiense que acontece no sábado (9) no estádio Gerson Campos, em Oeiras. Caso o jogo de volta entre Cori e Oeirense siga no empate a decisão será nos pênaltis. 

 

Pâmella Maranhão 
[email protected]

Imprimir