Cidadeverde.com
Esporte

Com 2 gols de Navarro, Botafogo bate Brusque e mantém perseguição ao Coritiba

Imprimir

O Botafogo fez mais uma vítima no Engenhão e se aproximou do acesso à elite do Brasileirão na noite desta quarta-feira. Com dois gols do artilheiro Rafael Navarro e um de Marco Antônio, o time ganhou do Brusque, por 3 a 0, em partida válida pela 31ª rodada da Série B.

Foto - Vitor Silva - Botafogo

Melhor mandante do campeonato - são 13 vitórias em 16 partidas -, o vice-líder Botafogo chegou aos 55 pontos e manteve a perseguição ao Coritiba, que tem 57. Já o Brusque segue ameaçado de rebaixamento, na 14ª colocação, com 35 pontos, três a mais que o Londrina, primeiro do Z4.

O primeiro tempo foi todo dominado pelo Botafogo, que era liderado por Chay. O meia, inclusive, exigiu duas boas defesas de Ruan Carneiro, que também salvou em finalização de Pedro Castro.

O Brusque só chegou uma vez com perigo, através de Thiago Alagoano. O chute explodiu no peito de Diego Loureiro.

Aos 33 minutos, Rafael Navarro abriu o placar, mas o gol foi anulado pelo VAR, que marcou impedimento de Warley antes do cruzamento. Na sequência foi a vez de Diego Gonçalves marcar. O atacante, porém, estava impedido e a bandeirinha assinalou.

O Botafogo não desanimou e finalmente marcou um gol que valeu aos 44 minutos. Diego Gonçalves chutou e a bola encontrou Rafael Navarro, que dominou e tirou de Ruan Carneiro. A bandeirinha marcou impedimento, mas foi corrigida pelo VAR, para explosão da torcida alvinegra.

O panorama da partida não mudou depois do intervalo e o Botafogo teve duas boas chances antes dos 20 minutos. Diego Gonçalves soltou a bomba em falta na entrada da área e Ruan Carneiro espalmou para escanteio. Na cobrança, Carli cabeceou por cima.

Aos 26 minutos, Warley caiu após dividida com Airton dentro da área e o árbitro mandou o lance seguir, mas voltou atrás após consultar o VAR. Rafael Navarro cobrou forte, no alto, e fez o seu 12º gol na Série B do Brasileiro.

O Brusque chegou a diminuir com Claudinho, mas o gol foi anulado pela bandeirinha. Aos 39 minutos, o Botafogo desceu em velocidade e Pedro Castro acertou a trave de Ruan Carneiro.

Nos acréscimos, saiu o terceiro com jogadores que vieram do banco de reservas. Marco Antônio recebeu de Rafael Moura e bateu cruzado, no cantinho.

Os dois times fazem confrontos diretos na 32ª rodada. O Botafogo enfrenta o Goiás, na próxima terça-feira, às 21h30, no Hailé Pinheiro, em Goiânia (GO). No domingo, o Brusque recebe o Vila Nova, às 20h30, no Augusto Bauer, em Brusque (SC).

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir