Cidadeverde.com
Cidades

No Piauí, 195 municípios já iniciaram vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos

Imprimir

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com 

Um levantamento realizado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), nesta sexta-feira (22), apontou que 195 municípios do Piauí já iniciaram a vacinação contra a Covid-19 em adolescentes de 12 a 17 anos. O número representa 87.05% das 224 cidades do Estado. As informações foram cadastradas pelas equipes municipais no SI-PNI, Sistema de Informações do PNI que centraliza as dados da vacinação no Brasil. 

A imunização destes jovens foi iniciada no Piauí com a utilização da reserva técnica da Sesapi, antes mesmo do Ministério da Saúde enviar as doses para esse público específico. "Essa foi uma decisão do Governo do Estado de começar a imunizar a juventude antes mesmo da decisão do Governo Federal", destaca o secretário Florentino Neto. "Uma prova de respeito do Governo do Piauí para com o nosso povo", acrescenta.

Segundo os dados do Vacinômetro Nacional, o Estado já registrou 78.403 doses aplicadas em adolescentes. "Precisamos parabenizar esses profissionais de saúde e todas as 224 equipes municipais que fazem a vacinação acontecer de domingo a domingo. O Estado tem avançado na vacinação de forma qualitativa", afirma o secretário de Estado da Saúde.

Até agora, o Piauí recebeu quatro remessas de imunizantes para a população de 12 a 17 anos, somando 111.900 imunizantes da Pfizer/BioNTech, única autorizada pela Anvisa para vacinação dos jovens. As vacinas enviadas contemplam os grupos com deficiência permanente, grávidas e puérperas, adolescentes privados de liberdade e aqueles sem comorbidades.

A Sesapi tem atuado fortemente na requisição de mais doses para o avanço da vacinação em adolescentes no Piauí. "Através do Conselho de Secretários de Saúde tratamos com o Programa Estadual de Imunização a inclusão dos jovens de 12 a 17 anos na lista do público vacinável", destaca Florentino. Ele lembra que desde o início o governador Wellington Dias, através do Consórcio Nordeste, trabalhou fortemente para que as crianças e adolescentes fossem incluídos na vacinação.

“A responsabilidade pela compra e distribuição das doses aos estados é do Ministério da Saúde. O Governo do Estado tem feito sua parte em solicitar constantemente o envio de mais vacinas para o Piauí e tão logo chegam ao Estado, já são descentralizadas para as Regionais e posteriormente aos municípios”, explicou Florentino Neto. O gestor lembra que o Piauí adquiriu 500 mil doses do imunizante Coronavac para acelerar ainda mais a vacinação no estado. “Essas doses estão sendo utilizadas na vacinação dos grupos de 18 a 59 anos”, destaca.

 

Da Redação 
[email protected] 

Imprimir