Cidadeverde.com
Política

Governo faz “busca ativa” para pagar auxílio de R$ 500 aos órfãos da covid

Imprimir

Foto: Ascom/Sasc

A Secretaria Estadual de Assistência Social e Cidadania (SASC) realiza uma “busca ativa” nos 224 municípios do Piauí para identificar crianças e adolescentes, órfãos da covid-19. 

O governador Wellington Dias (PT) encaminhou projeto de ajuda financeira aos filhos que tiveram pais ou responsáveis mortos pela covid-19. O projeto foi batizado de “Piauí Acolhe” e foi aprovado na Assembleia Legislativa. Agora, o governo tenta colocar em prática o projeto que dará auxílio mensal de R$ 500 aos órfãos da pandemia. 

O secretário da Sasc, José Santana, informou que levantamento preliminares aponta que pelo menos 650 órfãos em decorrência do vírus serão beneficiados pelo programa no Piauí. No entanto, este número poderá ser alterado após o levantamento realizado pela pasta ser concluído. 

A previsão do secretariado é de que após o anúncio do programa mais pessoas tomem conhecimento do benefício e procurem o governo para buscar o recurso. 

“Estamos iniciando uma busca ativa em parceria com os municípios afim de localizar em todas as cidades do Piauí qualquer órfão bilateral do covid de família monoparental, no caso que teve o pai a mãe falecido de covid ou aquela família que só tinha pai ou não e que é declaradamente vulnerável ao ponto de não ter um outro parente ou bens deixados para que tenha uma vida dentro da normalidade”, explicou. 

O pagamento mensal dos R$ 500 valerá exclusivamente para aquelas crianças e adolescentes oriundas de famílias que possuíam até três salários mínimos e que residiam no Piauí há mais de um ano. O benefício será pago até o órfão completar a maioridade. 

Paula Sampaio
[email protected]

Imprimir