Cidadeverde.com
Geral

Trecho da avenida Centenário passará por obras a partir de terça

Imprimir

Foto: Google Maps

A empresa Águas de Teresina vai interromper mais um trecho da avenida Centenário, na zona Norte, para obras de esgotamento sanitário. A partir da próxima terça-feira (9), o trabalho de implantação das novas redes de coleta de esgoto acontece entre a avenida União e a rua Batalha.

Por conta das obras, o trecho no sentido Norte-Centro será interditado com o apoio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), que será responsável pela sinalização e acompanhará a fluidez no tráfego de veículos.

A Águas de Teresina também fará comunicação prévia no sentido de orientar quem circula pela região, visando causar o menor impacto possível na mobilidade urbana. 

“Sabemos que existe um transtorno momentâneo, mas a população terá benefícios concretos. O objetivo da Águas de Teresina, nessa primeira fase, é remover e tratar todo o esgoto que é produzido no bairro Aeroporto. Vamos devolver os efluentes aos corpos hídricos nos parâmetros exigidos pelos órgãos ambientais, proporcionando melhores condições sanitárias aos moradores da região”, diz Cassiano Costa, gerente de Engenharia da Água de Teresina.

Orientações de percurso

Neste período, o motorista que irá transitar no sentido Norte-Centro deverá seguir na avenida Centenário até a avenida União, onde fará uma leve curva à esquerda, seguirá pela faixa contrária da avenida até a Rua Batalha, onde irá fazer uma leve curva à direita e seguir o fluxo normal. O motorista que irá transitar no sentido Centro-Norte deverá fazer a conversão à direita na rua Batalha, e uma nova conversão à esquerda na rua Primeiro de Maio, seguindo até a avenida União, onde poderá realizar uma conversão à esquerda e seguir até a avenida Centenário ou seguir pela rua Primeiro de Maio.

As intervenções no trânsito seguirão pelas próximas semanas. Os seguimentos serão sucessivos até que as obras avancem nas proximidades da praça do bairro Itaperu. A Águas de Teresina fará a comunicação dos novos trechos interditados e das novas rotas de desvios à medida em que as obras avançarem, em parceria com a Strans.

“Pedimos a compreensão da população. Os benefícios de uma cidade saneada são inúmeros. Uma vez que a instalação dessas redes seja concluída, todo esgoto será tratado e devolvido com uma carga orgânica muito reduzida para o meio ambiente. Então, traz impactos positivos no que se refere à preservação ambiental e também traz valorização imobiliária. Eliminar os esgotos a céu aberto reflete diretamente na qualidade de vida e na saúde das pessoas”, destaca Fernando Lima, diretor-executivo da Águas de Teresina.

Da Redação
[email protected]

Imprimir