Cidadeverde.com
Geral

Chuva alaga batalhão da Polícia Militar na zona sul de Teresina e causa estragos

Imprimir

 

 

A chuva que caiu em Teresina nas primeiras horas deste domingo (14) causou estragos na sede do 6º Batalhão da Polícia Militar do Piauí, localizado no Distrito Industrial, zona sul da capital. Imagens que circulam nas redes sociais mostram que algumas dependências do local ficaram alagadas após a chuva, incluindo os alojamentos usados pelos militares de plantão. 

Nas imagens, também é possível ver diversas infiltrações nas paredes do Batalhão. Uma delas fica bem perto do ar-condicionado de um dos alojamentos. 

O Cidadeverde.com tentou contato com o comando do 6º Batalhão para buscar maiores informações sobre os impactos e prejuízos causados pela a situação registrada neste domingo, mas não obteve retorno. 

Por meio de nota, a diretoria de Comunicação da Polícia Militar informou que o Comando Geral já tem conhecimento da situação. “O comando já tem conhecimento dos fatos e todas as medidas já estão sendo adotadas, conforme a lei de licitações e contratos”, diz um trecho da nota. 

Ainda na nota, a diretoria de Comunicação da PM informa que  “ estão sendo tomadas as medidas necessárias para a renovação e reforma de estruturas no âmbito da polícia militar, dentro dos aspectos e ritos legais”. 

Confira a íntegra do posicionamento:


Nota à imprensa:

Acerca de vídeos circulando sobre o 6º BPM, a Polícia Militar informa:

1. O comando já tem conhecimento dos fatos e todas as medidas já estão sendo adotadas, conforme a lei de licitações e contratos;

2. Nesse mesmo sentido, temos a renovação de toda a frota de viaturas da polícia militar;

3. Estamos em fase final para a entrega de novos fardamentos e armamento a todos os policiais militares;

4. E, além dessas, estão sendo tomadas as medidas necessárias para a renovação e reforma de estruturas no âmbito da polícia militar, dentro dos aspectos e ritos legais.

 

Teresina, 14 de novembro de 2021.

 

Tiago Ribeiro - Maj PM
Subdiretor de Comunicação PMPI

 

 

Natanael Souza
[email protected] 

 

Imprimir