Cidadeverde.com
Esporte

Grêmio recebe o São Paulo em jogo que pode confirmar rebaixamento

Imprimir

O Grêmio poderá se juntar nesta quinta-feira (2) a Chapecoense e Sport como o terceiro clube a ser rebaixado no Campeonato Brasileiro de 2021. São remotas as chances de permanência na elite, pois, além de depender de três vitórias nas três últimas rodadas, ainda precisa contar com uma combinação de resultados.

Vagner Mancini, técnico do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O primeiro desafio será contra o São Paulo, às 20h, em Porto Alegre, em jogo atrasado da 35ª rodada –o SporTV e o Premiere transmitem o duelo.

Com uma vitória, os gaúchos mantêm viva a esperança de permanência na Série A, embora as probabilidades disso acontecer sejam de apenas 3%, de acordo com o site Infobola, do matemático Tristão Garcia.

Depois desse compromisso, a equipe do Sul encara o Corinthians, em Itaquera, e o Atlético-MG, em casa.

Em caso de derrota para os são-paulinos, os gremistas estarão rebaixados se o Bahia (o 17º, com 40 pontos) tiver vencido o Atlético-MG, em confronto que será realizado mais cedo, às 18h, em Salvador. 

Na hipótese de os baianos perderem, o Grêmio ainda teria de torcer por tropeço do Athletico, que joga na sexta (3), com o Cuiabá. Um empate neste confronto também decretaria o rebaixamento dos tricolores do Sul.

Com 35 jogos disputados, o Grêmio soma 36 pontos. Se perder da equipe do Morumbi, poderá chegar, no máximo, a 42 pontos. Uma eventual vitória do Bahia sobre o Atlético-MG deixaria o clube nordestino com 43. No caso do Athletico, basta um empate para também chegar a 43 pontos.

Na segunda (29), o vice de futebol do clube gaúcho, Denis Abrahão, falou sobre a situação do time. "Que bom que estejamos envergonhados. É sinal que temos vergonha na cara e que vamos dar resposta na quinta. Não posso prometer vitória, tenho que prometer raça, amor, comprometimento do grupo de jogadores com os objetivos do clube."

O São Paulo, por sua vez, aparece em situação mais tranquila em relação à equipe gaúcha, mas, ainda assim, tem risco de também cair.

O time paulista soma 45 pontos e ocupa a 12ª colocação. Em caso de vitória, poderá se livrar de vez do risco de rebaixamento a depender também do resultado do Bahia e, de quebra, entrar na briga por ida à pré-Libertadores.

Para o confronto em Porto Alegre, a provável escalação de Rogério Ceni tem Tiago Volpi; Igor Vinicius, Arboleda, Miranda e Reinaldo; Rodrigo Nestor, Gabriel Sara, Igor Gomes e Vitor Bueno; Emiliano Rigoni e Jonathan Calleri.

Fonte: Folhapress

Imprimir